Luiz Gabriel Lopes traz luminosidade a dias de trevas com EP Sóis

Luiz Gabriel Lopes, cantor e compositor - Foto: Sara Braga/Divulgação - Blog do Arcanjo
Luiz Gabriel Lopes, cantor e compositor – Foto: Sara Braga/Divulgação – Blog do Arcanjo

Luiz Gabriel Lopes é um dos músicos mais inventivos e sensíveis da nova geração de compositores da música brasileira, fusionando estilos e revelando fartas referências a cada canção. Agora, soma-se ao seu já robusto cancioneiro as cinco faixas de seu quinto disco solo, o EP Sóis, lançado nesta semana. Como o título explicita, o artista traz luminosidade a estes dias de trevas com seu novo trabalho.

O álbum lançado pelo selo Pequeno Imprevisto tem produção de Leonardo Marques e é fruto de cooperação internacional, gravado em estúdios do Brasil, de Portugal e da Argentina.

O artista, que no fim do ano passado deixou o grupo Rosa Neon, aposta em leveza e esperança para o Brasil em Sóis. O EP, que ainda conta com participações do gaúcho Vitor Ramil e da argentina Lola Membrillo, confirma a inquieta produtividade do artista, que já lançou os discos autorais Passando Portas (2010), O Fazedor de Rios (2013), Mana (2017) e Presente (2020).

Ouça Sóis, de Luiz Gabriel Lopes

O cantor Luiz Gabriel Lopes na capa do disco Sóis - Foto: Divulgação - Blog do Arcanjo
O cantor Luiz Gabriel Lopes na capa do disco Sóis – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Sóis – Faixa a Faixa

Venus
É uma balada influenciada pelos Beatles com uso de synths e outras texturas sonoras até aqui inéditas na carreira solo do artista.

Criança Boa
É uma reflexão do artista sobre os pequenos e coroa uma relação de amizade e parceria com a artista argentina Lola Membrillo.

Costura
O ícone gaúcho Vitor Ramil participa de uma conexão sonora entre a Amazônia ao Rio Grande do Sul, na integração utópica.

Sonhar Feito Planta
A faixa sugere uma homenagem ao estilo de Djavan em um clima de reconexão com a natureza.

Prólogo
O compositor passeia por palavras com a segurança de um Caetano Veloso, criando palavra que cura e supera.

Ouça Sóis, de Luiz Gabriel Lopes

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Surra de estilo: Prêmio Bibi Ferreira 2022 Grammy Latino 2022: Veja brasileiros indicados! Travessia estreia em 10 de outubro na Globo Fred Raposo é destaque no Mirada Maitê Proença estreia O Pior de Mim em SP