Sucesso de público e crítica, musicais Azáfama e Em Algum Lugar Entre As Estrelas fazem últimas sessões em SP

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Dois aclamados musicais originais brasileiros caminham para a reta final de suas temporadas. Ambos estão entre as novidades mais interessantes do ano, dando fôlego novo à chamada “Off-Broadway Paulistana”, com musicais originais em salas intimistas. O Blog do Arcanjo conta mais sobre as duas montagens que merecem ser aplaudidas: Azáfama, Substantivo Feminino, de Bruno Narchi, e Em Algum Lugar Entre as Estrelas, de Juliano Marceano. Corra pra ver!

Leilane Teles em Azáfama, Substantivo Feminino: musical intimista de Bruno Narchi faz sucesso na Praça Roosevelt – Foto: Bob Sousa – Blog do Arcanjo

Azáfama, Substantivo Feminino

O espetáculo Azáfama, Substantivo Feminino, se despede nesta semana de seu público, que prestigiou o projeto escrito o e dirigido por Bruno Narchi. O astro dos musicais esteve à frente das funções de diretor e dramaturgo com seu coletivo Nosso Projeto, em sociedade com Thiago Machado e Zuba Janaina. A peça conta a história de mulheres que precisa superar as adversidades do mundo feminino. O elenco conta com nomes consagrados do teatro como Letícia Soares, Helena Lazarini, Juliana Bógus, Larissa Carneiro, Thaís Piza, Pamella Machado, Leilane Teles, Giovanna Moreira e Zuba Janaina. A direção musical é de Gui Leal e Thiago Machado, outros dois astros dos musicais. Então, corre, pois esta é a última chance de ver tanto talento reunido em cena! As apresentações ocorrem nos dias 26 (terça) e 27 (quarta), às 20h30, na Sala Alberto Guzik da SP Escola de Teatro na Praça Roosevelt, 210, região central da capital paulista (metrô República ou Higienópolis-Mackenzie). Retire seu ingresso!

Leia crítica de Marcio Tito para Azáfama, Substantivo Feminino!

Vanessa Rodrigues e Renato Milan são um casal apaixonado que enfrenta a ditadura no musical Em Algum Lugar Entre as Estrelas: sucesso no Espaço ao Cubo na Barra Funda – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Em Algum Lugar Entre as Estrelas: sessão extra

Outro musical que dá adeus ao espectador é a montagem Em Algum Lugar Entre As Estrelas. O projeto autoral de Juliano Marceano é encenado por ele e demais atores como Diego Bargas, Michelle Giudice, Vanessa Rodrigues, Deivid Bispo, Renato Milan e Gabrielle Felippe. A direção geral é de Celso Correia Lopes, músicas de Paulo Ocanha, letras de Gabriela Gonzalez, direção musical de Ettore Veríssimo e direção de movimento de Marcelo Vasquez. A peça reúne relatos de três personagens sobre histórias de amor, fuga e reconhecimento entre os anos 1950 e as primeiras décadas do século 21. Entre os conflitos, a perspectiva de uma mulher que tem o casamento atravessado pela ditadura militar, relacionamentos homoafetivos nos anos 1990 e os amores líquidos dos dias de hoje. O espetáculo tem últimas apresentações nos dias 27 (quarta) e 28 (quinta), às 20h30. Boa notícia? Temos! Haverá uma sessão extra no domingo (31), às 20h. A montagem está em cartaz no Espaço ao Cubo, na Rua Brigadeiro Galvão, 1010, na Barra Funda, região oeste de São Paulo (metrô Barra Funda ou Marechal Deodoro). Retire seu ingresso!

Leia crítica de Miguel Arcanjo Prado para Em Algum Lugar Entre as Estrelas!

Colaborou Michele Marreira

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

O jornalista e crítico Miguel Arcanjo Prado é mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Está entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo de Cultura, Melhores do Ano Blog do Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor dos Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil. Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Jô Soares sofre censura após morte Diário de Pilar na Grécia faz temporada no Teatro das Artes em SP O Deus de Spinoza estreia no Teatro Itália Bandeirantes Teatro nos Parques percorre SP e Brasil ‘Se fosse homem, teria mais visibilidade’, diz Eloisa Vitz