Festival DiverCidade aposta na representatividade no palco e na tela

Por Miguel Arcanjo Prado

Diretamente do terraço da charmosa Galeria do Rock, no centro de São Paulo, é realizado neste domingo a partir das 14h o Festival DiverCidade. Serão 6 horas de evento, 14 shows e mais de 30 artistas O foco do evento é a representatividade, com programação que reúne as mais diferentes matizes artísticas, com negros, indígenas, imigrantes, LGBTQIA+, mulheres, pessoas com deficiência e periféricos.

Uma seleção de 36 palavras foi feita como base ideal para a construção de uma sociedade que tenha a diversidade como referência. Cada artista foi convidado a escolher algumas dessas palavras que melhor o representasse, para compor o cenário do show. Entre elas estão empatia, abraço, acolhimento, identidade, pertencimento, resistência, resiliência, luta, liberdade, respeito e tolerância.

Os dois palcos têm vista deslumbrante para o centro paulistano. Por eles passam nomes como Rico Dalasam, Luana Bayô, Gê de Lima, Nalla, Mc PII, MARTTE, Kunumi MC, DJ Kljay, Jairo Pereira, Cabra é Fêmea, Telê, Pepita, Academia do Funk, Pelanza, Rebô Izaias e o Grupo Cultural Caboverdiano. A apresentação será feita pela jornalista Nayara de Deus e a rainha das festas TchaKa Drag Queen.

Durante as apresentações musicais, os artistas Ayco Dany e Nart, do Atelie Daki, do Grajaú, foram convidados a criar um grafite que ficará exposto permanentemente na galeria. O evento foi viabilizado pelo ProMac, o Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais e tem patrocínio do Facebook.

“A curadoria do festival foi pensada para dar espaço a uma teia de pessoas diversas, que é justamente a cara desta cidade tão plural que é São Paulo. Contemplando vários estilos e territórios culturais, o DiverCidade evidencia que somos diferentes e podemos viver numa cultura de paz, construindo pontes por meio das artes”, afirma o curador artístico do Festival DiverCidade, Diego Dionísio.

Festival DiverCidade
Dia 31 de Janeiro, domingo, a partir das 14 horas
Transmissão pela página do festival no Facebook
https://www.facebook.com/festivalDiverCidade
Instagram: @festival_divercidade
Facebook: @festivaldivercidade

+ Artistas, Cultura e Entretenimento

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. Eleito três vezes pelo Prêmio Comunique-se um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil. Nascido em Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. É crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Passou por Globo, Record, Folha, Contigo, Editora Abril, Gazeta, Band, Rede TV e UOL, entre outros. Desde 2012, faz o Blog do Arcanjo, referência no jornalismo cultural. Em 2019 criou o Prêmio Arcanjo de Cultura no Theatro Municipal de SP. Em 2020, passou a ser Coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro e começou o Podcast do Arcanjo em parceria com a OLA Podcasts. Foto: Edson Lopes Jr.

Siga @miguel.arcanjo

Ouça o Podcast do Arcanjo

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *