Verônica Bonfim lança Nega Luxenta como resposta a estereótipo racista

A cantora Verônica Bonfim – Foto: Juliana Varajão – Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo – UOL

“Nega luxenta é o que você quiser ser”, define a cantora Verônica Bonfim sobre sua música “Nega Luxenta”, cujo clipe acaba de lançar. “Nega luxenta é toda mulher negra cis, trans, bi, lésbica, dona do seu próprio caminho, que escreve sua própria história”, diz.

A cantora baiana é uma das sete estrelas do musical de sucesso de público e de crítica “Elza”, com a vida da cantora Elza Soares, atualmente em cartaz no Rio e que volta a São Paulo no próximo mês.

Em conversa com o Blog do Arcanjo, Verônica revela que compôs “Nega Luxenta” em 2010. “Fiz para uma amiga, Shirlene Paixão, e a expressão vem de uma memória de infância de minha vó paterna, meu pai e irmãs, reis e rainhas, negros e negras vindos de África. É uma resposta a um estereótipo racista que nos dão desde sempre”, pontua.

A cantora Verônica Bonfim – Foto: Juliana Varajão – Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo – UOL

Siga Miguel Arcanjo no Instagram

Please follow and like us:
Teatro nos Parques percorre SP e Brasil ‘Se fosse homem, teria mais visibilidade’, diz Eloisa Vitz Musical A Pequena Sereia encanta família inteira no Teatro Santander Capital Inicial lança Natasha com feat de Marina Sena Evita Open Air conquista o público no Parque Villa-Lobos