Mundo do Circo é inaugurado no Parque da Juventude, zona norte de São Paulo

Mundo do Circo poderá receber até 3 mil pessoas simultaneamente no Parque da Juventude, na zona norte paulistana – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Senhoras e senhores, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo inaugurou nesta terça-feira (20), o Mundo do Circo SP. Trata-se do novo programa da pasta equipado para ações de apoio aos vários setores da cadeia produtiva circense, antiga reivindicação dos artistas do picadeiro. O Mundo do Circo fica no Parque estadual da Juventude, zona norte da capital, e se somará a mais de 60 espaços dedicados à arte e cultura no estado.

O Mundo do Circo pode receber até 3 mil pessoas simultaneamente. A Grande Lona tem capacidade para 618 espectadores. A Lona Multiuso, para 300. A Lona Exposição, para 300 pessoas por hora. A iniciativa é composta por 10 espaços, entre eles: Grande Lona, Lona Multiuso, Lona Exposição, Loja, Picadeiro Aberto, Praça de Alimentação, Banheiros, Pórtico de Entrada (bilheteria e administração), Vila dos Artistas e Centro de Referência.

“A criação do Mundo do Circo atende a uma antiga demanda do conjunto do setor circense de São Paulo”, explica Sérgio Sá Leitão, secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo. “Além da área para circos itinerantes se apresentarem sem custos na Capital, há uma lona para mostras, festivais e outros tipos de espetáculos; um espaço próprio para formação e capacitação de artistas e técnicos; e um centro de referência sobre a história e a relevância cultural e social da arte circense. Trata-se de uma instituição que reconhece, valoriza e impulsiona o circo paulista; e convida a população a viver e se encantar com o trabalho maravilhoso que os artistas circenses realizam”, avalia o secretário de Cultura e Economia Criativa Sérgio Sá Leitão.

Para a festa de lançamento do dia 20, foi programada uma agenda que, além de espetáculos circenses, envolve um cortejo com palhaços e representantes religiosos. Os participantes farão uma ‘lavagem’ ecumênica em respeito aos 111 detentos mortos em 1992 na Casa de Detenção do Carandiru, local que atualmente sedia o Parque da Juventude, complexo cultural, recreativo e esportivo de São Paulo.

Em dezembro, de 20 a 23  e de 27 a 30, o Mundo do Circo SP realiza uma programação artística e cultural gratuita para a população com espetáculos de companhias tradicionais e contemporâneas, cabarés exclusivos com números circenses, palhaços, globo da morte, trapézio, aparelhos aéreos, e outras modalidades. O espaço será ainda ocupado por oficinas, sempre com foco no universo do circo. Todas as atividades de inauguração neste mês serão gratuitas.

O espaço reabre em janeiro com programação especial de férias para a criançada, voltada para as ações circenses. Na semana do aniversário da cidade de São Paulo (25), de 24 a 30 de janeiro, está previsto o Festival de Circo SP.

Toda a programação do Mundo do Circo SP está disponível no site https://mundodocircosp.com.br/ .

Ações do programa

O Mundo do Circo SP foi criado a partir do desejo de valorizar a experiência lúdica e afetiva do universo circense. O local conta com três lonas – Grande Lona, Lona Multiuso e Lona Magia do Circo-, além do Picadeiro a Céu Aberto.

A Grande Lona vai apresentar circos itinerantes com espetáculos, mostras de números circenses, shows e outras atividades. A Lona Multiuso abrigará grupos, companhias, duplas e artistas individuais diversos, tanto para o desenvolvimento técnico de espetáculos como para apresentações. Uma terceira lona abrigará exposição lúdica e interativa sobre o imaginário do circo, mostrando suas várias modalidades artísticas, enriquecendo a experiência sensorial proporcionada pelo espaço temático. O Picadeiro a Céu Aberto, por sua vez, ficará dedicado a espetáculos e números de rua.

Para além da realização de temporadas de circos itinerantes, o espaço vai sediar mostras, encontros, práticas, oficinas e ensaios, residências e iniciativas de capacitação.

O local contará com o Programa de Sustentabilidade do Circo, que tem por objetivo se tornar uma referência para o setor circense, com oportunidades para apresentação, qualificação técnica, estética, prática, capacitação e reciclagem.

A Vila dos Artistas receberá as caravanas circenses itinerantes nas temporadas da grande lona. Há a expectativa ainda da instalação de loja para venda de objetos relacionados ao universo circense.

O Mundo Circo SP conta com investimento de R$ 14,4 milhões do governo de São Paulo e vai ocupar um espaço de mais de 10 mil m2 do Parque da Juventude.

Com a ação, o Parque da Juventude, gerido pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) e que completa 20 anos em 2023,  passa a integrar um conjunto importante de ações estaduais, que inclui a Biblioteca de São Paulo com mais de 35 mil títulos e a Escola Técnica Estadual (ETEC).

”O local possui facilidade de acesso, com muitas linhas de ônibus e metrô próximo, além de acessibilidade garantida”, diz Danielle Nigromonte, diretora-geral da Amigos da Arte, gestora da ação.

“Nosso objetivo é que o espaço se transforme em referência para toda a população, que o Mundo do Circo SP tenha uma programação circense contínua”, diz Danielle. “Queremos que o programa seja o primeiro lugar que a pessoa pense quando quiser assistir um espetáculo circense”.

Chamada pública

A ocupação artística do espaço será viabilizada por chamada pública, a ser lançada em breve, através de busca ativa e curadoria.

O Mundo do Circo SP surgiu para atender todas as vertentes do circo, das tradicionais às mais modernas e pretende trazer o grande público, atraindo a atenção da plateia com uma grande vitrine circense.

De acordo com estudo encomendado pela Amigos da Arte para subsidiar o desenvolvimento do programa, um espaço dedicado à instalação dos circos itinerantes é uma demanda antiga da classe circense, que há muito tempo tem sofrido com os preços para locação na capital, as dificuldades de instalação com escassez crescente de áreas, entraves técnicos e burocráticos e com o êxodo do circo itinerante da capital paulista. Iniciativas para atender à demanda remontam à década de 1920, com a aquisição de terreno para lonas no Cambuci pelo Sindicato Livre. Mas as dificuldades só foram acirradas com o tempo e o desenvolvimento urbano.

“O Mundo do Circo vem como resposta qualificada a esta demanda, de forma a propor a reunião, em um espaço de referência, não só os circos itinerantes, mas também as companhias e artistas do circo urbano, formados pelas escolas de circo, valorizando a prática circense em toda a diversidade e impulsionando a cadeia produtiva do setor”, diz Danielle Nigromonte.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Respeitado jornalista cultural e crítico de artes do Brasil, Miguel Arcanjo Prado é CEO do Blog do Arcanjo, fundado em 2012, e do Prêmio Arcanjo, criado em 2019. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro e apresenta o Podcast do Arcanjo na OLA Podcasts. Eleito um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se por três vezes e recebeu a Medalha Mário de Andrade, maior honraria nas letras do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Huffpost Brasil, Notícias da TV, Contigo, Superinteressante, Band, CBN, Gazeta, UOL, Uma, OFuxico, Rede TV!, Rede Brasil, Versatille, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Imprensa Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã, Prêmio África Brasil e Prêmio Governo do Estado de São Paulo – Medalha Mário de Andrade.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Harry e Meghan na Netflix Michael Jackson: Thriller faz 40 anos Marina Sena lança música com Gal Costa Crítica | Anitta maceta sons do Brasil no álbum À Procura da Anitta Perfeita e supera críticas com hits do verão Brasil e Argentina se beijam na Copa do Mundo do Qatar 2022