Tiradentes em Cena consagra talento de Inês Peixoto com solo arrebatador Órfãs de Dinheiro

Inês Peixoto se consagra no 10º Tiradentes em Cena com farto talento no solo Órfãs de Dinheiro – Foto: Thyago Andrade – Blog do Arcanjo

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo
Enviado especial ao Tiradentes em Cena*

Inês Peixoto foi o grande destaque desta quinta-feira, 26, com a apresentação de seu solo Órfãs de Dinheiro, no qual dá vida a três diferentes mulheres, sob direção atenta e delicada de Eduardo Moreira, seu colega de Grupo Galpão, a mais prestigiada companhia teatral de Minas Gerais.

O segundo dia do 10º Tiradentes em Cena foi marcado por uma diversidade de gêneros teatrais apresentados ao atento público da cidade histórica mineira e, sobretudo, pelo gigante talento de uma atriz chamada Inês Peixoto.

Sob direção e idealização de Aline Garcia, o evento começou nesta quarta, 25 de maio, e vai até sábado, 28, com farta programação de espetáculos, oficinas, roda de conversa e até mesmo um cortejo pelas ruas tricentenárias.

Com uma dramaturgia repleta de sutis potências, escrita pela própria atriz, a peça Órfas de Dinheiro ganha novas nuances no encontro com o talento da atuação de Inês Peixoto em cima do palco.

A artista navega pelas histórias de três mulheres sofridas, que se apresentam diretamente ao públíco, com o qual cada uma constrói uma relação de intimidade. A prosa tem como fio condutor a falta de amor e de condições financeiras na vida dessas mulheres que tentam não se deixar vencer pela dureza desta vida.

Órfãs de Dinheiro trata-se de um momento especial na carreira de Inês Peixoto, conhecida das peças do Grupo Galpão e também de novelas e minissséries na Globo, como A Cura, Hoje É Dia de Maria, Além do Tempo e O Sétimo Guardião, nas quais sempre se destacou com a potência de sua delicadeza cênica.

Tiradentes em Cena ovacionou Inês Peixoto no solo Órfãs de Dinheiro – Foto: Thyago Andrade – Blog do Arcanjo

No espetáculo solo, onde todos os olhares estão voltados para ela, Inês Peixoto demonstra domínio absoluto da cena e de seus tempos, construindo suas personagens com irretocável verossimilhança e profunda identificação com os espectadores, que sorriem e sofrem diante da vida daquelas mulheres. O trabalho é digno de conferir à atriz os principais prêmios de atuação do Brasil. Merece ser visto e revisto.

A atriz ainda assina o engenhoso figurino do espetáculo, que vai se adaptando aos poucos às fortes personagens que representa. Ao fim do espetáculo produzido por Beatriz Radicchi, Inês Peixoto foi consagrada com aplausos efusivos e gritos de “bravo” pelo público do 10º Tiradentes em Cena, que lotou o Teatro do Centro Cultural Yves Alves.

A atriz se emocionou diante da consagração e, com lágrimas nos olhos, agradeceu o enorme carinho. Já fora do palco, confidenciou ao Blog do Arcanjo na hora dos cumprimentos: “Queremos muito viajar com essa peça por todo o Brasil”, avisou, com seu jeito doce e profundo de falar. Que assim seja.

*O jornalista e crítico Miguel Arcanjo Prado viajou a convite do Tiradentes em Cena.

Tudo sobre o Tiradentes em Cena

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Huffpost Brasil, Notícias da TV, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, Rede Brasil, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil e Argentina se beijam na Copa do Mundo do Qatar 2022 Após críticas, Nômade Festival coloca negros com Erykah Badu Festival de Curitiba anuncia novidades em 2023 II Expo Internacional Consciência Negra SP The Crown mostra que Charles traiu Diana