Cine Bijou é o streaming dos anos 60, dizem criadores do Festival Satyricine Bijou | Podcast do Arcanjo

Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez, do Satyros, criam o Festival Dramaturgias em Tempo de Isolamento - Foto: Silvana Garzaro - Blog do Arcanjo
Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez, do Satyros, criam o Festival Satyricine Bijou com foco no cinema independente brasileiro – Foto: Silvana Garzaro – Blog do Arcanjo

Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez falam sobre o novo festival do cinema brasileiro que celebra reabertura de sala histórica paulistana

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez, fundadores da Cia de Teatro Os Satyros, são os convidados da semana do Podcast do Arcanjo, uma parceria com a Olá Podcasts. A dupla já fez história à frente de uma das principais companhias teatrais do Brasil e do mundo, e da Satyrianas, um dos maiores festivais de artes do Brasil e da SP Escola de Teatro. Agora, segue o caminho do cinema com o Festival Satyricine Bijou, de 22 a 29 de setembro com 83 filmes com ingressos pela Sympla. Ouça os dois!

O evento online produzido pelo Satyros Cinema, braço audiovisual da cia, acontece entre os dias 22 e 29 de setembro com ingressos na Sympla, e conta com 83 produções entre longas e curta-metragens com preços populares, E também marca a reabertura do icônico Cine Bijou.

Rodolfo revela que o festival foi inspirado na Satyrianas, feito a partir de uma ideia, sem investimento algum e se tornou algo maior do que esperado. Da mesma forma está sendo o Satyrinice Bijou. “A gente teve a mesma ideia, começamos sem grana, sem estrutura e de repente, tomou uma proporção muito grande”.

Com mais de 100 prêmios no teatro, marcando história no digital e com longas filmados, o festival ocupa mais um lugar de memória de espaço e resistência cultural na Praça Roosevelt. “O cinema brasileiro teve um ponto de resistência aqui. Que surgiu no início dos anos 60. A Praça Roosevelt é muito importante para essa memória. A nossa função é preservar isso.”. Ele ainda lembra que o Cine Bijou poderia virar um bar, mas eles assumiram o espaço que está fechado há quase dois anos e agora se prepara para uma grande reabertura.

Com Andradina Azevedo, Dida Andrade e Guilherme Marback, a curadoria proporciona um encontro de gerações e múltiplas ideias.“Na verdade o espaço do Bijou, e esse festival, a ideia é que seja um lugar de encontro. Sempre foi uma ideia nossa que a arte e a cultura sejam um espaço de encontro e de troca de ideias”, revela Rodolfo sobre a curadoria que possibilitou um grande encontro de talentos.

A dupla ainda revela quem fará o troféu do festival, os homenageados no festival, além de como foi as gravações do longa A Arte de Encarar o Medo e muito mais. Para saber como foi todo o papo. Você pode ouvir o papo na íntegra!

Os ingressos estão disponíveis na plataforma Sympla Play e podem ser comprados através da página do evento: www.sympla.com.br/produtor/festivalsatyricinebijou

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

O jornalista e crítico de artes Miguel Arcanjo Prado é mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação pela UFMG e crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Está entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se. Passou por Globo, Record, Folha, Abril, Band e UOL. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo na OLA Podcasts. Foto: Edson Lopes Jr.

© Blog do Arcanjo – Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados | Proibida reprodução sem citação com link.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

1 Resultado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *