Rapidinhas | Atriz recupera sua origem indígena em Maíra – Caminhos Ancestrais

Jéssica Meireles revisita seu passado indígena em Maíra - Caminhos Ancestrais - Foto: Higor Nery/Divulgação - Blog do Arcanjo
Jéssica Meireles revisita seu passado indígena em Maíra – Caminhos Ancestrais – Foto: Higor Nery/Divulgação – Blog do Arcanjo

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Passado indígena

Na semana que o Brasil se emocionou com os povos originários marchando em Brasília pelo direito às suas terras, a atriz Jéssica Meireles se reconecta com suas raízes indígenas na peça Maíra – Caminhos Ancestrais. A obra faz curta temporada no Teatro Glaucio Gil, na praça Cardeal Arcoverde em Copacabana, Rio, até 29 de agosto, sempre às 19h e com ingressos a preço popular: R$ 10 a inteira e R$ 5 a meia. A produção é da Cia Teatro Baixo e o Grupo Artesão Teatro, referências do teatro da Baixada Fluminense.

Ancestralidade presente

“Esse espetáculo é também uma tentativa minha de reconstruir e me conectar com um dos meus caminhos ancestrais, guiada pelas palavras sopradas ao vento por minha bisavó e minha tataravó, mulheres indígenas, apagadas da memória-herança familiar. Elas também estão presentes na peça”, avisa Jéssica Meirelles, também autora de Maíra – Caminhos Ancestrais, peça dirigida por Luana Moreira e Jonyjarp Pontes e sob produção de Leandro Fazolla. Importante reflexão.

Desmarginação: série da Cia. La Desdeñosa - Foto: Cléo Martins/Divulgação - Blog do Arcanjo
Desmarginação: série da Cia. La Desdeñosa – Foto: Cléo Martins/Divulgação – Blog do Arcanjo

Superpoderosas

As atrizes Carol Gierwiatowski, Gabi Costa, Juliana Sanches, Larissa Nunes, Maria Carolina Dressler, Mawusi Tulani, Natália Martins e Tatiana Ribeiro estão no elenco da série Desmarginação, da Cia Desdeñosa. A direção e concepção do projeto é de Carol Gierwiatowski, Gabi Costa, Natália Martins e Tatiana Ribeiro. O programa é inspirado em nomes como Oprah Winfrey, Sojourner Truth, Virgínia Woolf, Chimamanda Ngozi Adichie e Toni Morrison. Referência é tudo.

A cantora Anná: vídeo do centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 na SP Escola de Teatro - Foto: Divulgação - Blog do Arcanjo
A cantora Anná: vídeo do centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 na SP Escola de Teatro – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Feira moderna

A cantora Anná celebra o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 em clipe dirigido por Henrique Mello e produzido por Rodrigo Barros a convite da SP Escola de Teatro. A artista filmou na sede histórica da no Brás, onde estudou ninguém menos que a libertária Pagu. A idealização é de Miguel Arcanjo Prado, este vosso escriba. Sai na terça, 31, nas redes da SP. Vai dar o que falar.

Lauanda Varone: no elenco da peça 2 Palitos - Foto: Divulgação - Blog do Arcanjo
Lauanda Varone: no elenco da peça 2 Palitos – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Balzaquiana

A atriz gaúcha Lauanda Varone já marcou data pra retornar aos palcos. Será em 14 de setembro, no Teatro das Artes do Shopping Eldorado, na peça 2 Palitos, de Luccas Papp. A temática é a crise dos 30 anos. Aguardemos.

Luiz Damasceno: celebração dupla de seus 80 anos - Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação - Blog do Arcanjo
Luiz Damasceno: celebração dupla de seus 80 anos – Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação – Blog do Arcanjo

Oitentão

O ator gaúcho Luiz Damasceno, que já trabalhou com nomes como o norte-americano Bob Wilson e o brasileiro Jô Soares, comemora seus 80 anos de vida com o espetáculo Só Ópera, a partir de 10 de setembro, e a exposição O Sopro, a partir de 24 de setembro. Tudo no digital.

O escritor Jorge Amado (1912-2001) - Foto: Divulgação - Blog do Arcanjo
O escritor Jorge Amado (1912-2001) – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Salve Jorge

Jorge Amado ganha estátua e vira nome de praça no Cana Brava All Inclusive Resort, em Ilhéus. A cidade ambientou romances do inesquecível autor baiano como Gabriela, Cravo e Canela e São Jorge dos Ilhéus. A série Brava Arte, de 28 a 29 de agosto, celebra os 109 de nascimento do escritor e lembra os 20 anos de sua morte. Viva Jorge!

Clara Carvalho e Sergio Mastropasqua estão em Um Picasso: peça reabre Teatro Aliança Francesa - Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação - Blog do Arcanjo
Clara Carvalho e Sergio Mastropasqua estão em Um Picasso: peça reabre Teatro Aliança Francesa – Foto: Ronaldo Gutierrez/Divulgação – Blog do Arcanjo

Pintura íntima

Os atores Clara Carvalho e Sergio Mastropasqua, do Grupo Tapa, reabrem o Teatro Aliança Francesa com a peça Um Picasso, de Jeffrey Hatcher sob direção de Eduardo Tolentino de Araújo. A temporada vai até 26 de setembro, tendo como mote um encontro do famoso pintor com um agente nazista. Ah, os ingressos devem ser retirados com antecedência na Sympla. Aviso dado.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

O jornalista e crítico de artes Miguel Arcanjo Prado é mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação pela UFMG e crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Está entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se. Passou por Globo, Record, Folha, Abril, Band e UOL. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo na OLA Podcasts. Foto: Edson Lopes Jr.

© Blog do Arcanjo – Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados | Proibida reprodução sem citação com link.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *