Após Ivete e Claudia, Multishow faz live com Margareth Menezes na Quarta de Cinzas

Por Miguel Arcanjo Prado

É lamentável que artistas negros da Bahia, como Olodum, Margareth Menezes e Ilê Aiyê, verdadeiros pilares do Carnaval de Salvador, só consigam patrocínio após muita comoção nas redes. Mas, que bom que ainda há gente com alguma sensibilidade para perceber o grande erro que seria não patrociná-los, sobretudo neste tão emblemático Carnaval 2021.

Depois de apostar no dueto entre Ivete Sangalo e Claudia Leitte, que até selinho deram, o canal Multishow percebeu o clamor popular e convocou a cantora pioneira no axé Margareth Menezes. Não custa lembrar que foi Margareth quem bradou “Eu falei Faraó” no Pelourinho, junto do Olodum, no Carnaval de 1987, revolucionando para sempre a folia e a música baiana.

Margareth Menezes com o Olodum em 1987: “Eu falei Faraó” – Foto: Reprodução/Youtube – blogdoarcanjo.com

Margareth fará às 18h30 desta Quarta-Feira de Cinzas (17) seu Baile da Maga, no ar não só no Multishow como também pelo YouTube, nos canais Música Multishow e no perfil oficial da cantora.

Entre os convidados confirmados estão Daniela Mercury, Cortejo Afro, Jau (ex-Olodum) e Tatau (ex-Araketu).

Aliás, Daniela Mercury demonstrou consciência e real majestade ao convidar Margareth Menezes para sua live na última sexta-feira, na qual prestou devidas reverências à colega. Também foi Daniela Mercury e sua esposa Malu Verçosa quem conseguiram patrocínio da Bohemia Puro Malte para a live do Olodum, nesta terça-feira de Carnaval. Não à toa, Daniela é chamada de Rainha.

Fazendo uma digital Terça da Bênção, o Olodum tocou seus grandes hits, com participações do Ilê Aiyê, seu bloco-afro pai, e da própria Margareth Menezes, em encontro histórico com a mais importante banda percussiva do mundo, que conquistou nomes como Michael Jackson, que gravou clipe com o grupo em 1996, e Paul Simon, com quem o Olodum fez show histórico no Central Park de Nova York para 750 mil pessoas em 1991.

Margareth Menezes com o astro David Byrne e a banda da Rei Momo Tour em 1989 – Foto: Divulgação – blogdoarcanjo.com

Ícone do carnaval da Bahia e da música brasileira, Margareth Menezes soma mais de 20 turnês mundiais com seu inconfundível Afropop. Na live, ela promete recordar seus sucessos em 34 anos de carreira reconhecida internacionalmente.

Margareth Menezes na turnê mundial de David Byrne Rei Momo Tour em 1989 – Foto: Divulgação – blogdoarcanjo.com

Não custa lembrar que Margareth Menezes participou como convidada especial do astro David Byrne, da banda Talking Heads, em sua turnê mundial solo Rei Momo Tour, em 1989. Byrne a conheceu em Salvador, quando ficou impressionado com a força de sua voz. Ao lado de Byrne, Margareth se apresentou em um dos programas então com maior audiência nos EUA, Saturday Night Live.

Ao Blog do Arcanjo, Maga adianta que vai cantar na live Faraó, Elegibô – Um canto de Ifá, Dandalunda, Toté de Maianga, Alegria da Cidade, Selei e Me abraça e Me Beija, grandes hinos da folia soteropolitana.

“Este ano o Carnaval está bem diferente em meio ao cenário de pandemia. No momento, a prioridade é o cuidado e a preservação da vida e da saúde. Esse carnaval será na segurança e recolhimento de nossas casas, que é a única alternativa possível”, diz a artista.

“Nosso povo e nossa cultura carnavalesca têm a música como a mola mestra para tudo isso acontecer e, através dos shows virtuais, a música vai chegar com energia e como uma mensagem de esperança, tão importante nesse momento”, conclui a cantora.

Siga @miguel.arcanjo!

Ouça o Podcast do Arcanjo!

+ Artistas, Cultura e Entretenimento

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. Eleito três vezes pelo Prêmio Comunique-se um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil. Nascido em Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. É crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Passou por Globo, Record, Folha, Contigo, Editora Abril, Gazeta, Band, Rede TV e UOL, entre outros. Desde 2012, faz o Blog do Arcanjo, referência no jornalismo cultural. Em 2019 criou o Prêmio Arcanjo de Cultura no Theatro Municipal de SP. É coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro, colunista do Notícias da TV e faz o Podcast do Arcanjo em parceria com a OLA Podcasts. Foto: Edson Lopes Jr.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *