★★★★ Crítica: Irineu comove o público com encontro geracional que nos dá lição de vida

Tiago Luchi e Genézio de Barros em Irineu: encontro geracional comovente no Marte Hall © Rafa Marques Blog do Arcanjo 2024

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

★★★★
IRINEU
Avaliação: Muito Bom
Crítica por Miguel Arcanjo Prado

Duas gerações diferentes têm muito a ensinar uma à outra e também a aprender. Para isso, é preciso se abrir a uma escuta interessada e genuína. É esta bela lição de vida que aprendemos na tocante comédia dramática Irineu. O roteiro mostra um jovem que precisa dividir o quarto de hospital com um idoso, o que modifica a vida de ambos. O espetáculo pode ser visto no imponente Marte Hall, bela casa de espetáculos recém-aberta na Vila Mariana (r. Domingos de Moraes, 348), bem perto do metrô Ana Rosa e que precisa ser cada vez mais conhecida. As sessões são aos sábados, 20h, e domingos, 18h, até 26 de maio (compre seu ingresso). No domingo Dia das Mães, 12/5, sessão das 18h, haverá promoção com ingressos a R$ 10 a inteira e R$ 5 a meia. Em cena, três grandes atores: o sempre excelente Genézio de Barros, 73 anos de vida e 50 de carreira, como o protagonista Irineu, um senhor hospitalizado repletos de histórias para contar, Tiago Luchi, repleto de candura na construção do jovem João, paciente que precisa dividir quarto com o idoso e acaba por descobrir novos mundos, e a espevitada enfermeira interpretada por Maria do Carmo Soares, atriz importante de nossos palcos que completa 80 anos. A peça traz em seu próprio elenco a troca profícua entre gerações que propõe na dramaturgia escrita com delicadeza por Tiago Luchi, também idealizador deste necessário projeto. Nome incansável, Ricardo Grasson assume a direção, com assistência de Heitor Garcia, construindo as atmosferas necessárias para os “causos” de Irineu, que despertam riso, fascínio e também lágrimas. Destacam-se no time criativo a cenografia de Marisa Rebollo, os figurinos de Rosângela Ribeiro e a sempre poética luz de Cesar Pivetti, bem como o visagismo de Edgar Cardoso e a sonoplastia de L.P. Daniel. Irineu é um espetáculo que nos mostra que a beleza da vida mora no encontro real entre pessoas que se queiram bem. Não custa nada lembrar-mos desta bela lição.

★★★★
IRINEU
Avaliação: Muito Bom
Crítica por Miguel Arcanjo Prado

Compre seu ingresso para Irineu!

Blog do Arcanjo mostra imagens da peça Irineu em fotos exclusivas de Rafa Marques

Siga @miguel.arcanjo no Instagram

Ouça Arcanjo Pod no Spotify

Blog do Arcanjo no YouTube

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Jornalista cultural influente e respeitado no Brasil, Miguel Arcanjo Prado é CEO do Blog do Arcanjo, fundado em 2012, e do Prêmio Arcanjo, desde 2019. É Mestre em Artes pela UNESP, Pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, Bacharel em Comunicação pela UFMG e Crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e apresenta o Arcanjo Pod. Eleito três vezes um dos melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Huffpost Brasil, Notícias da TV, Contigo, Superinteressante, Band, CBN, Gazeta, UOL, UMA, OFuxico, Rede TV!, Rede Brasil, Versatille, TV UFMG e O Pasquim 21. Integra o júri de Prêmio Arcanjo, Prêmio Jabuti, Prêmio Governador do Estado de São Paulo, Prêmio Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Imprensa Digital, Prêmio Guia da Folha e Prêmio Canal Brasil de Curtas. Vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã, Prêmio África Brasil, Prêmio Leda Maria Martins e Medalha Mário de Andrade do Prêmio Governador do Estado, maior honraria na área de Letras de São Paulo.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *