Viúvas estreia sob fortes aplausos no Centro Cultural São Paulo com mulheres fortes

Espetáculo Viúvas estreou sob fortes aplausos no Centro Cultural São Paulo – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo

Peça do argentino Ariel Dorfman tem direção de Tatiana Tibúrcio

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

As mulheres detêm o poder e a força de condução do espetáculo Viúvas, escrito pelo argentino Ariel Dorfman. A obra estreou sob fortes aplausos no Centro Cultural São Paulo, em encenação diridiga pela premiada atriz Tatiana Tibúrcio com a Coletiva 3 de Nós.

Compõem o elenco os talentosos artistas Luciana Lopes, Jessica Madona, Gabriela Reis, Lidiane Ribeiro, Luiz Alfredo Montenegro, Sirlea Aleixo e Tulanih.

Viúvas comove o público com a força de mulheres que resistem – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo

Trata-se da quinta peça da Coletiva 3 de Nós, fundada em 2017. A montagem se ambienta em um pequeno povoado do interior latino-americano chamado Camacho, no qual vive um grupo de mulheres lavadeiras, que se vê diante de um fato surpreendente: os homens do local desapareceram. A busca incessante por respostas conduz o roteiro.

Espetáculo Viúvas estreou sob fortes aplausos no Centro Cultural São Paulo – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo
Público aplaudiu fortemente estreia de Viúvas no Centro Cultural São Paulo – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo

O texto é do escritor e ativista dos direitos humanos e também autor do famoso texto A Morte e a Donzela, peça de sucesso em 90 países e transformada em filme em 1994 pelo cineasta romeno Roman Polanski.

Viúvas foi lançada como romance em 1981, sendo posteriormente adaptada aos palcos pelo próprio autor em parceria com premiado roteirista estadunidense Tony Kushner, inspirando ópera e filme.

Viúvas mostra a força das mulheres latinas – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo

A temporada no Centro Cultural São Paulo terá 20 apresentações. Depois, a peça faz turnê municipal, passando pelo Centro Cultural da Juventude, Centro Cultural Galeria Olido, Centro Cultural da Penha e Centro de Culturas Negras.

Jessica Madona, Larissa Mauro e Savina João idealizaram o projeto, contemplado com o Prêmio Zé Renato para a Cidade de São Paulo, da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de São Paulo.

Cena da peça Viúvas – Foto: Rafa Marques – Blog do Arcanjo

Apresentações

VIÚVAS

CENTRO CULTURAL SÃO PAULO
De 22/09 a 09/10/2022 no Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho – Rua Vergueiro, 1000, metrô Vergueiro, São Paulo.
Quinta a domingo, às 20h. Apresentações extras dias 27 e 28/9, às 20h e 08 e 09/10, às 18h. Dia 2/10 não haverá apresentação devido às eleições
Classificação Indicativa: 12 anos
Grátis (retirada de ingresso 1h antes na bilheteria)
Duração 90 minutos

CENTRO CULTURAL DA JUVENTUDE
Dia 12/10/2022 no Centro Cultural da Juventude, às 19h
Av. Dep. Emílio Carlos, 3641 – Vila dos Andrades
Telefone: (11) 3343-8966

CENTRO CULTURAL GALERIA OLIDO
Dias 13 e 14/10 no Centro Cultural Galeria Olido, às 19h
Av. São João, 473 – Centro Histórico de São Paulo, São Paulo – SP, Telefone: (11) 2899-7370

CENTRO CULTURAL PENHA
Dia 15/10 no Centro Cultural da Penha, às 20h
Largo do Rosário, 20 – Penha de França
Telefone: (11) 2095-6480

CENTRO DE CULTURAS NEGRAS
Dia 16/10 no Centro de Culturas Negras, às 18h
R. Arsênio Tavolieri, 45 – Jabaquara, São Paulo
Telefone: (11) 5011-2421

Artistas de Viúvas recebem Blog do Arcanjo nos bastidores da estreia no Centro Cultural São Paulo

O Blog do Arcanjo acompanhou de perto a estreia de Viúvas no Centro Cultural São Paulo e mostra os bastidores nas fotos de Rafa Marques.

Viúvas

Ficha técnica
Idealização: Jessica Madona, Larissa Mauro e Savina João
Realização: Coletiva 3 de Nós, Cooperativa Paulista de Teatro, Prêmio Zé Renato de Teatro para a Cidade de São Paulo, Secretaria Municipal de Cultura e Prefeitura de São Paulo.
Coordenação do projeto: Savina João
Texto original: Ariel Dorfman e Tony Kushner
Dramaturgia: Cristiane Sobral
Tradução: Larissa Mauro
Direção do espetáculo: Tatiana Tiburcio
Assistência de direção: Jessica Madona
Elenco: Luciana Lopes, Jessica Madona, Gabriela Reis, Lidiane Ribeiro, Luiz Alfredo Montenegro, Sirlea Aleixo e Tulanih
Cenografia e figurino: Clau Carmo e Gabriela Gomes
Trilha sonora original: Rafaell Kaft
Iluminação: Danielle Meireles
Direção de produção: Coletiva 3 de Nós (Jessica Madona e Savina João)
Assistência de produção: Julia Tavares
Assessoria de imprensa: Adriana Monteiro (Ofício das letras)
Mídias digitais: Agência Daka
Fotografias: Estúdio Liah la Foto
Fotógrafa: Gabriela Gomes
Assistência de fotografia: Daniela Fontana
Cartaz: Luang Senegambia
Apoios: Centro Cultural São Paulo, Amok Teatro, Bar O Bode Cheiroso, Bar e Restaurante Os Ximenes, Centro Cultural Gilberto Calouste e Cortiço Carioca.
Agradecimentos: Adilson Lamana e Chirley Xavier; Aline Mohamad; Allegra Ceccarelli; Ana Teixeira e Stephane Brodt (Amok Teatro); Cíntia, Domingos, Idália, Marcelo, Patrícia, Sheili, Souza e Wallace (Cortiço Carioca); Giovanna Clara; Leandro Ivo e Rodrigo Palmieri (Fulano’s Produções Artísticas); Luiz Alfredo Montenegro; Maíra Foresti; Maria Adélia Cardoso; Regina Xavier; Urion Vieira.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Huffpost Brasil, Notícias da TV, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, Rede Brasil, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crítica | Anitta maceta sons do Brasil no álbum À Procura da Anitta Perfeita e supera críticas com hits do verão Brasil e Argentina se beijam na Copa do Mundo do Qatar 2022 Após críticas, Nômade Festival coloca negros com Erykah Badu Festival de Curitiba anuncia novidades em 2023 II Expo Internacional Consciência Negra SP