Marighella é consagrado no 48º Festival Sesc Melhores Filmes

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Marighella venceu como melhor filme nacional pelo júri de críticos e pelo público no 48º Festival Sesc Melhores Filmes, do qual Miguel Arcanjo Prado integra o júri – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

O 48ª edição do Festival Sesc Melhores Filmes, do qual Miguel Arcanjo Prado, diretor do Blog do Arcanjo, integra o júri, divulgou seus vencedores nesta quarta, 6, em São Paulo, com transmissão ao vivo pelo YouTube. Esse ano, o evento contou com a presença da diretora Anita Rocha, atriz Bruna Linzmeyer, diretora Thaís Fujinaga, Bárbara Paz, Debora Duboc, entre outros.

48º Festival Sesc Melhores Filmes segue até dia 27, oferecendo a oportunidade de ver rever os vencedores do ano na tela do CineSesc, em uma programação com filmes nacionais e estrangeiros que foram destaque em 2021, além de encontros e atividades com realizadores e pensadores do cinema. A edição deste ano também exibe gratuitamente ao público de todo o país, uma seleção de filmes na plataforma Sesc Digital

Na abertura do festival, foram conhecidos os trabalhos de artistas eleitos e eleitas pelo voto popular e júri especializado como os melhores do ano. Apresentada por Adriana Couto, a premiação aconteceu no dia 06/4, com transmissão ao vivo no canal do CineSesc no YouTube.

Confiram os premiados:

Vencedores Júri Críticos/Estrangeiros

Melhor filme – Ataque Dos Cães

Melhor Direção – Jane Campion (Ataque Dos Cães)

Melhor Atriz – Frances Mcdormand (Nomadland)

Melhor Ator – Anthony Hopkins (Meu Pai)

Vencedores Júri Críticos/Nacionais

Melhor Filme – Marighella

Melhor Documentário – A Última Floresta

Melhor Direção – Wagner Moura (Marighella)

Melhor Roteiro – Aly Muritiba e Henrique dos Santos (Deserto Particular)

Melhor Fotografia – Luis Armando Arteaga (Deserto Particular)

Melhor Atriz – Thiessa Woinbackk (Valentina)

Melhor Ator – Seu Jorge (Marighella)

Vencedores Júri Público/Estrangeiro

Melhor Filme – Não Olhe Para Cima

Melhor Direcao – Jane Campion (Ataque Dos Cães)

Melhor Atriz – Frances Mcdormand (Nomadland)

Melhor Ator – Benedict Cumberbatch (Ataque Dos Cães)

Vencedores Júri Público/Nacional

Melhor Filme – Marighella

Melhor Documentário – Chorão – Marginal Alado

Melhor Direcao – Wagner Moura (Marighella)

Melhor Roteiro – Wagner Moura e Felipe Braga (Marighella)

Melhor Fotografia – Adrian Teijido (Marighella)

Melhor Atriz – Fernanda Montenegro (Piedade)

Melhor Ator – Seu Jorge (Marighella)

Criado em 1974, o Festival Sesc Melhores Filmes é o primeiro festival de cinema de São Paulo. Ele oferece ao público a oportunidade de ver ou rever o que passou de mais significativo pelas telas da cidade. Sua programação é escolhida democraticamente pelo público e pela crítica. Os filmes que participaram da votação deste ano foram aqueles lançados comercialmente nas salas de cinema de São Paulo em 2021. Em 48 anos de realização, o festival já exibiu centenas de longas-metragens brasileiros e estrangeiros. Em 2010, inovou ao ser o primeiro evento do gênero a disponibilizar sua programação com recursos de acessibilidade, como audiodescrição e legendagem open caption, para assegurar a amplitude da ação do Sesc São Paulo na atenção aos diversos públicos.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Surra de estilo: Prêmio Bibi Ferreira 2022 Grammy Latino 2022: Veja brasileiros indicados! Travessia estreia em 10 de outubro na Globo Fred Raposo é destaque no Mirada Maitê Proença estreia O Pior de Mim em SP