Futuro e monetização do jornalismo cultural é tema de debate no Festival de Curitiba

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo
Enviado especial ao Festival de Curitiba*

Profissionais debatem futuro do Jornalismo Cultural no 30º Festival de Curitiba – Foto: Daniel Sorrentino – Blog do Arcanjo

Por NOEMIA SIBELE
Colaboração para o Blog do Arcanjo no Festival de Curitiba*

O encontro “E agora, jornalismo cultural, para onde?” aconteceu na tarde de 1° de Abril, como parte do projeto Interlocuções, no 30.ª edição do Festival de Curitiba. Pela primeira vez no evento foi realizado uma bate-papo entre profissionais da área da comunicação e cultura, para debater a nova era das mídias no jornalismo atual. 

Os jornalistas Sandro Moser, Pedro Neves, Carolina Braga e Miguel Arcanjo Prado debatem o jornalismo cultural no 30º Festival de Curitiba – Foto: Daniel Sorrentino – Blog do Arcanjo

Com mediação de Sandro Moser, os jornalistas Miguel Arcanjo, Pedro Neves e Carolina Braga falaram sobre as tendências e dificuldades relativas à cobertura de arte e cultura no Brasil. O momento de crise no setor e as diferentes linguagens e formatos foram abordados. 

Carol Braga, fundadora do portal Culturadoria, falou sobre o empreendedorismo na área do jornalismo e como as parcerias são importantes em casos em que os portais não têm visibilidade significativa.

Miguel Arcanjo Prado fala sobre o Blog do Arcanjo no novo cenário do jornalismo cultural durante o 30º Festival de Curitiba – Foto: Daniel Sorrentino – Blog do Arcanjo

Miguel Arcanjo, responsável pelo Blog do Arcanjo, comentou sobre a importância da divulgação de projetos e redes sociais nesse momento. O jornalista falou também sobre as diferentes formas de monetização do jornalismo digital, que passa por uma revolução tecnológica e cita o exemplo das transições para podcasts, reels e plataformas como o Youtube. Uma das maneiras de viabilizar esse novo jornalismo, segundo Arcanjo, é através do Google Adsense e estratégias de entregas como o SEO.

O jornalista e assessor de imprensa Maximilian Santos debate o o jornalismo cultural no 30º Festival de Curitiba – Foto: Daniel Sorrentino – Blog do Arcanjo

“Cultura não monetiza”. Em uma das falas do bate-papo, Maximilian Santos, assessor do Festival, citou uma frase corriqueira para quem trabalha na área e enfatiza que devem ser feitas mudanças no próprio pensamento das pessoas para que se invista em cultura no país. Ele cita um exemplo de melhorias para o setor e novidades deste ano no festival: o lançamento da plataforma CACO, com o objetivo de conectar o profissional do setor cultural e fomentar a divulgação de seus trabalhos.

Segundo Leandro Knopfholz, diretor do Festival, a iniciativa tem potencial para, além de aproximar os profissionais, gerar oportunidades de trabalhos, negócios e compartilhamento de conhecimentos. A CACO está disponível no site http://www.caco.com.br e nos aplicativos Google Play e Apple Store.

*Reportagem por Noemia Sibele, estudante de Jornalismo da Universidade Positivo, sob orientação da jornalista e professora Katia Brembatti, em parceria com o Blog do Arcanjo no Festival de Curitiba. Conheça o site UP no Festival.

O jornalista e crítico Miguel Arcanjo Prado viajou a convite do Festival de Curitiba.

+ Blog do Arcanjo no Festival de Curitiba!

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Morre pai do Padre Marcelo: “Até a eternidade” Colplay cancela shows no Brasil por doença de Chris Martin Marilyn Monroe, Blonde: Curiosidades do filme Tim Maia: 80 anos do eterno síndico Arlete Salles brilha no Teatro das Artes