Conselheiros da Adaap, Danilo Santos de Miranda e Maria Adelaide Amaral vencem Prêmio Governo do Estado de São Paulo

Danilo Santos de Miranda e Maria Adelaide Amaral, integrantes do Conselho da Adaap, venceram o Prêmio Governo do Estado de São Paulo – Foto: Divulgação e Bruno Poletti – Blog do Arcanjo

Os conselheiros da Adaap (Associação dos Artistas Amigos da Praça) Maria Adelaide Amaral e Danilo Santos de Miranda saíram vitoriosos do Prêmio Governo do Estado de São Paulo na última segunda, 13. Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo, venceu na categoria Formação e Capacitação em Arte e Cultura, “pelo conjunto de atividades do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo”. Já Amaral, dramaturga, escritora e novelista, recebeu a Medalha Mário de Andrade, “por seu destaque e contribuição no campo das letras e da gestão”.

A cerimônia contou com a presença do governador de São Paulo, João Doria, do vice-governador, Rodrigo Garcia, do secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, Sérgio Sá Leitão, e da secretária de Cultura da Cidade de São Paulo, Aline Torres.

Rodrigo Garcia, João Doria e Sérgio Sá Leitão no Prêmio Governo do Estado de São Paulo no Palácio dos Bandeirantes – Foto: Bruno Poletti – Divulgação

Também estiveram entre os melhores do evento Premiações da Cultura de São Paulo outros nomes da Adaap: o conselheiro da Adaap Eduardo Saron, na categoria Inovação e Tecnologia em Arte e Cultura, “pelo conjunto de atividades do Itaú Cultural”; Ivam Cabral, diretor executivo da Adaap e SP Escola de Teatro, e Rodolfo García Vázquez, coordenador do curso de Direção da SP Escola de Teatro, na categoria Grupos, Companhias e Corpos Estáveis, “pelo conjunto de atividades da Companhia de Teatro Os Satyros”; e Miguel Arcanjo Prado, coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro, “pela realização do Blog do Arcanjo”.

O secretário de Cultura e Economia Criativa Sérgio Sá Leitão – Foto: Divulgação – Blog do Arcanjo

Governo de São Paulo homenageia 50 personalidades do setor cultural no Palácio dos Bandeirantes

Premiações da Cultura de São Paulo 2020/2021 concedeu medalhas, prêmios e troféus aos profissionais que se destacaram nas áreas das artes, como literatura, artes plásticas e gestão cultural

O governador João Doria realizou na noite desta segunda-feira 13/12, no Palácio dos Bandeirantes, a cerimônia de Premiações da Cultura de São Paulo 2020/2021. Na ocasião, foram condecorados 50 profissionais que se destacaram por seus trabalhos dedicados ao desenvolvimento e à promoção da cultura no Estado. O propósito foi reconhecer e prestigiar aqueles que mantiveram viva a cultura paulista durante o período de paralização das atividades presenciais e celebrar a retomada das operações culturais e criativas em São Paulo.

A honraria contemplou a entrega de três medalhas – Medalha Tarsila do Amaral (para as artes), Medalha Mário de Andrade (para as letras) e Mérito Museológico (para a conservação do patrimônio cultural) – e de dois prêmios – Prêmio São Paulo de Literatura e Prêmio Governo do Estado de São Paulo para as Artes. Entre os homenagedos, estavam presentes Benjamin Seroussi / Casa do Povo, Sérgio Freitas / Fábrica de Cultura 4.0 de São Bernardo do Campo, Preto Zezé / Central Única das Favelas, entre outros.

“O período da pandemia mostrou mais uma vez que a cultura é fundamental para o Brasil e para todos nós. Mais cultura significa mais renda, mais emprego, mais inclusão e mais desenvolvimento. Significa, também, mais educação, mais turismo, mais saúde e mais democracia” afirmou o governador João Dória. “O país precisa da cultura e dos artistas e produtores culturais para prosperar. Nada mais justo, portanto, do que reconhecer e homenagear quem faz a cultura de São Paulo brilhar.”

“2020 foi um ano muito difícil para todos. Em especial, para a cultura brasileira. Mas a cultura brasileira é intensa e potente. Seus profissionais são obstinados”, disse o secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado, Sérgio Sá Leitão. “Em São Paulo, o Governo do Estado elevou o investimento em cultura e ampliou os programas e ações. Assim, a cultura resistiu. E agora, com o avanço da vacinação, está em plena retomada.”

Conheça os vencedores em cada categoria:

Medalha Tarsila do Amaral
A Medalha Tarsila do Amaral foi criada em 2019 pelo Governo do Estado de São Paulo e tem o objetivo de reconhecer e homenagear quem se destaca por suas contribuições à cultura e à economia criativa de São Paulo no campo das artes.

Conheça os 15 agraciados com a Medalha Tarsila do Amaral 2020/2021:

– Abel Silveira Gomes (Abel Gomes)

– Adriana Barbosa

– Arrigo Barnabé

– Carlos Eduardo Brito Lira (Eduardo Lyra)

– Jorge Sirena Pereira (Dody Sirena)

– Emanoel Alves de Araújo (Emanoel Araújo)

– Emmanuele Baldini

– Isa Grinspum Ferraz

– Janaína Cecília Torres dos Santos Rueda (Janaína Rueda)

– Jefferson Rueda

– Jorge Philippe Takla (Jorge Takla)

– José Olympio da Veiga Pereira (José Olympio Pereira)

– Konrad Cunha Dantas (KondZilla)

– Marcello Dantas

– Monica Andreatta Tarragó (Monica Tarragó)


Medalha Mário de Andrade
A Medalha Mário de Andrade foi criada em 1977 pelo Governo do Estado de São Paulo e tem o objetivo de reconhecer e homenagear quem se destaca por suas contribuições à cultura e à economia criativa de São Paulo nos campos das letras e da gestão.

Conheça os 15 agraciados com a Medalha Mário de Andrade em 2020/2021:

– Ailton Alves Lacerda Krenak (Ailton Krenak)
– Aline Nascimento Barrozo Torres (Aline Torres)
– Ana Paula Maia
– Aracy Abreu Amaral (Aracy Amaral)
– Arnaldo Augusto Nora Antunes Filho (Arnaldo Antunes)
– Carlos Augusto Mattei Faggin (Carlos Faggin)
– Fábio de Sá Cesnik (Fábio Cesnik)
– Gabriela Prioli Della Vedova (Gabriela Prioli)
– João Silvério Trevisan
– Maria Adelaide Almeida Santos Amaral (Maria Adelaide Amaral)
– Murillo de Aragão
– Patrícia Campos Melo
– José Reinaldo Azevedo e Silva (Reinaldo Azevedo)
– Roberto Teixeira da Costa
– Sílvio Eduardo de Assis Pacheco Lancellotti (Sílvio Lancellotti)

Medalha Mérito Museológico
A Medalha do Mérito Museológico Waldisa Rússio Camargo Guarnieri foi criada em 2018 e tem o objetivo de reconhecer e homenagear quem se destaca por suas contribuições à cultura e à economia criativa de São Paulo no campo da museologia.

Conheça as 3 agraciadas com a Medalha do Mérito Museológico em 2020:

– Maria Cristina de Oliveira Bruno
– Ana Mae Barbosa
– Sônia Guarita do Amaral (In Memoriam)

Prêmio São Paulo de Literatura
O Prêmio São Paulo de Literatura foi criado em 2008 e tem o objetivo de reconhecer e homenagear os autores das obras escolhidas, por um júri formado por 10 especialistas, como o Melhor Romance de Estreia e o Melhor Romance publicados no Brasil no ano anterior. O júri, por sua vez, é indicado por uma comissão de 4 curadores. Cada autor premiado recebe R$ 200 mil.

Conheça os 2 autores agraciados com o Prêmio São Paulo de Literatura 2020:

– Melhor Romance de Estreia
Marcelo Labes / “Paraízo-Paraguay” (Editora Caiaponte)

– Melhor Romance
Claudia Lage / “O Corpo Interminável” (Editora Record)


Prêmio Artes
O Prêmio Governo do Estado de São Paulo para as Artes foi criado em 1950 e tem o objetivo de reconhecer e homenagear profissionais do setor cultural e criativo de São Paulo que se destacaram no ano anterior por suas realizações. Há 15 categorias temáticas. As indicações e escolhas são feitas por comissões, envolvendo ainda os órgãos colegiados de cultura do Governo do Estado de São Paulo. Os vencedores foram anunciados durante a cerimônia. Cada um recebeu, além do prêmio em dinheiro de R$ 30 mil, um troféu.


1. Museus, equipamentos e centros culturais
Benjamin Seroussi / Casa do Povo

2. Patrimônio cultural material e imaterial
Paula Egydio (Yá Paula de Yansã) / Terreiro Axé Ilê Obá

3. Grupos, companhias e corpos estáveis
Arthur Nestrovski, Marcelo Lopes e Thierry Fischer / Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo

4. Cultura popular e tradicional
Adriana Aragão, Elisabeth Belisário e Girlei Miranda / Bloco Afro Ilú Obá De Min

5. Cultura urbana
Glauciete Martins Gomes / Companhia Sansacroma

6. Empreendedorismo cultural e criativo
Alex Allard / Cidade Matarazzo

7. Inovação e tecnologia em arte e cultura
Sérgio Freitas / Fábrica de Cultura 4.0 de São Bernardo do Campo

8. Estudos e pesquisas em cultura e economia criativa
Ana Carla Fonseca Reis / “Dá Gosto Ser do Ribeira – Plano Estratégico de Economia Criativa do Vale do Ribeira”

9. Mostras, festivais, mercados e eventos culturais
Cristiane Guzzi e Marcelo Lima / ExpoCine

10. Produção cultural independente
Sérgio Ajzenberg / Divina Comédia Produções Artísticas

11. Inclusão, diversidade e acesso à cultura
Francisco José Pereira de Lima (Preto Zezé) / Central Única das Favelas

12. Formação e capacitação em arte e cultura
Danilo Miranda / Centro de Pesquisa e Formação do SESC SP

13. Livro, leitura e bibliotecas
Cibeli Moretti de Oliveira / Festival Literário de Votuporanga

14. Comunicação cultural
Juliana D’ Agostini / Programa “O Piano Mágico da Ju”, da TV Cultura

15. Iniciativas culturais para crianças e adolescentes
Patrícia Audi / Exposição “Tarsila para Crianças”

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

O jornalista e crítico Miguel Arcanjo Prado é mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Está entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo de Cultura, Melhores do Ano Blog do Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor dos Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil. Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Vingança, O Musical é aplaudido por estrelas Longa Jornada Noite Adentro é aplaudida por famosos Marina Sena fala do 2º álbum Orgulho LGBT+ 5 peças em São Paulo Parada do Orgulho LGBT+ bate recorde com 4 milhões de pessoas