Domingão sem Faustão: fim de uma era de 32 anos na Globo

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

O casamento durou 32 anos em que ambos foram muito felizes. O final foi abrupto e até mesmo deselegante para uma das partes, por ter se aproveitado do momento de fragilidade por doença da outra parte envolvida para encerrar a relação de vez. A partir deste 20 de junho de 2021 o Domingão na Globo é sem Faustão, passando para comando de Tiago Leifert, por questões “estratégicas”, segundo avisou a emissora carioca em comunicado.

O programa de Fausto Silva estreou na Rede Globo, no dia 26 de março de 1989 e permaneceu 32 anos no ar sob seu comando. Na categoria programa de auditório com o mesmo apresentador, o Domingão do Faustão só perde em longevidade no ar na TV aberta para o Programa Silvio Santos, no ar desde 1962 com Silvio Santos no comando do auditório mais feminino da televisão. Contudo, seu maior rival ao longo da história foi Gugu Liberato (1959-2019), com quem disputou por décadas o comando das tardes de domingo, na maioria das vezes levando a melhor.

O Domingão do Faustão fica marcado na história da TV brasileira pelo jeito irreverente e despachado do paulistano Fausto Silva, com seu forte sotaque marcado em bordões como “ô, louco meu”, pelas belas bailarinas e por ter impulsionado carreiras de nomes populares da música como Mamonas Assassinas, Negritude Jr., É o Tchan, Ivete Sangalo e Luan Santana, além de ter brigado com outros nomes famosos, como Tim Maia (1942-1998).

O Domingão do Faustão ainda fez quadros lendários como o Jogo da Velha, Vídeo Cassetadas, Arquivo Confidencial e, mais recentemente, Dança dos Famosos e Ding Dong. Agora, Tiago Leifert comanda os domingos da Globo até o fim do ano. A previsão é que em 2022 Luciano Huck assuma o horário.

Faustão se prepara para retornar à antiga casa, a Band, onde apresentou o Perdidos na Noite entre 1986 e 1988, sendo que antes o programa criado em 1984 na Gazeta passou também pela Record. Na Band, Faustão chegará com status de grande estrela, podendo criar com toda a liberdade seu novo programa na emissora do Morumbi. O Blog do Arcanjo deseja a Faustão todo o sucesso do mundo na nova fase.

Siga @miguel.arcanjo no Instagram

Ouça Arcanjo Pod no Spotify

Blog do Arcanjo no YouTube

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Jornalista cultural influente e respeitado no Brasil, Miguel Arcanjo Prado é CEO do Blog do Arcanjo, fundado em 2012, e do Prêmio Arcanjo, desde 2019. É Mestre em Artes pela UNESP, Pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, Bacharel em Comunicação pela UFMG e Crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e apresenta o Arcanjo Pod. Eleito três vezes um dos melhores jornalistas culturais do Brasil pelo Prêmio Comunique-se. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Huffpost Brasil, Notícias da TV, Contigo, Superinteressante, Band, CBN, Gazeta, UOL, UMA, OFuxico, Rede TV!, Rede Brasil, Versatille, TV UFMG e O Pasquim 21. Integra o júri de Prêmio Arcanjo, Prêmio Jabuti, Prêmio Governador do Estado de São Paulo, Prêmio Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Imprensa Digital, Prêmio Guia da Folha e Prêmio Canal Brasil de Curtas. Vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã, Prêmio África Brasil, Prêmio Leda Maria Martins e Medalha Mário de Andrade do Prêmio Governador do Estado, maior honraria na área de Letras de São Paulo.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *