Rapidinhas: Musical Donna Summer adia volta para 18 de março

Por Miguel Arcanjo Prado

Nova data

Miguel Falabella resolveu adiar a volta do musical Donna Summer ao Teatro Santander. Agora, diretor e produção marcaram a reestreia para 18 de março, com as estrelas Karin Hils, Jeniffer Nascimento e Amanda Souza. Ingressos já estão à venda. Anotado.

Leilane Teles entra para o elenco de Donna Summer, O Musical – Foto: @ph_dasilvabreno/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Nasce uma estrela

A bailarina e atriz Leilane Teles é nome forte no novo elenco de Donna Summer, O Musical. Cria da dança de Salvador, já excursionou o mundo com o grande coreógrafo Ismael Ivo. Nesta semana, Leilane provou o figurino da superprodução com Theodoro Cochrane, que, aliás, ficou encantado com o carisma da baiana. Afinal, baiana não nasce, estreia. Danada.

A atriz Ligia Cortez – Foto: Zé Carlos Barretta/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Estudos

Dirigido por Ligia Cortez, o Célia Helena Centro de Artes e Educaçã realiza, entre os dias 20 e 27 de fevereiro, uma série de quatro encontros on-line abertos, com o objetivo de promover debates sobre o campo de atuação de seus três cursos de pós-graduação: “Corpo: dança, teatro e performance”, “Direção e Atuação” e “Dramaturgia: cinema, teatro e televisão”. Recado dado.

Amanda Acosta em Maternagem – Foto: Vivian Abravanel/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Papo de mãe

Amanda Acosta, nossa grande atriz, volta ao teatro digital em 24 de fevereiro pelo Teatro MorumbiShopping com o solo Maternagem. O texto de André Fusko aborda os conflitos típicos das mamães de primeira viagem. A obra estreou originalmente em 2010, no Espaço dos Satyros da praça Roosevelt e sofreu adaptações aos novos tempos. Toda quarta, 20h. Estão todos convidados.

Balangandãs

Falando em Amanda Acosta, a atriz está fazendo um sucesso danado no CCBB do Rio com o musical Carmen Miranda, a Grande Pequena Notável. O diretor Kleber Montanheiro, o produtor Mauricio Inafre e o elenco estão felizes da vida com a acolhida do público carioca na volta do teatro presencial com todos os protocolos de segurança sanitária. De quinta a domingo, até 28 de março. Coisa boa.

Viva voz 1

A Ubook acaba de lançar a versão audiobook da biografia Elza, escrita por Zeca Camargo para a editora Leya. Uma grande estrela negra foi escolhida para narrar a vida da célebre cantora: Isabel Fillardis. “Fui surpreendida com cada linha lindamente escrita pelo Zeca Camargo e tive uma mistura de emoções. Eu me lembro de assistir ao show dela, quando eu era ainda uma garota, e sentir sua energia e vitalidade. Foi um aprendizado incrível ter acesso à biografia”, Isabel Fillardis à coluna. Parabéns.

Viva voz 2

Fabio Porchat esteve nos estúdios da Tocalivros para narrar a obra A Revolução dos Bichos, do escritor George Orwell. A versão fonográfica do livro clássico é uma parceria entre Tocalivros Social e a editora Vermelho Marinho, que disponibilizarão o título gratuitamente ainda neste primeiro semestre. Boa nova.

Manu Maltez e Regina Boni na Galeria São Paulo Flutuante, agora na Barra Funda – Foto: Nadja Kouchi/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Novo lar

Regina Boni, nossa grande marchand das artes, inaugura em 27 de fevereiro sua nova sede da Galeria São Paulo Flutuante, na rua Brigadeiro Galvão, 130, na Barra Funda. Como parte da programação da abertura, às 20h, será transmitido um show no Youtube diretamente da galeria com o artista Manu Maltez, que é sócio de Regina no espaço e assina todas as obras da exposição inaugural, O Templo do Cachorro Azul. Très Chic.

Ansiosa e internacional

Nicole Puzzi, atriz e musa do nosso cinema e teatro, está apreensiva. Primeiro, porque estreia nesta sexta, 21h, As Mariposas, nova peça da Cia. de Teatro Os Satyros. Segundo, porque neste sábado será entregue o prêmio Young-Howze Theater Awards em Los Angeles, ao qual concorre com as peças A Arte de Encarar o Medo (The Art of Facing Fear) e Macbeth #06. Nesta última, atuou na parceria do Satyros com a britânica Universidade de Birminghan e deu vida à lendária rainha escrita por William Shakespeare. Além disso, sua filha, a atriz Dominique Brand, também concorre ao troféu internacional com Novos Normais, chamada por lá de New Normal. Glória em família.

Diva

Marcia Dailyn quase caiu para trás tamanha a emoção ao chegar à banca e ver seu rosto estampado no jornal desta sexta. “Estou no Globo!”, celebrou. Por telefone fixo, como compete a uma diva, conta à coluna: “Saiu a foto que o Andre Stefano tirou minha, com o Henrique Mello, no camarim do Satyros”, esmiúça. Escrita por Ivam Cabral e Rodolfo García Vázquez, As Mariposas inaugura a fase híbrida do Satyros, com cenas transmitidas direto do palco do Espaço dos Satyros na praça Roosevelt, onde Marcia Dailyn estará com os atores Henrique Mello e Silvio Eduardo. “Vou chegar bem cedo para fazer a maquiagem com calma”, avisa. Chique.

Papo bom

Do elenco de As Mariposas, os atores do Satyros Ivam Cabral e Eduardo Chagas estão no Podcast do Arcanjo desta semana. Abriram o coração. Ouça.

Aysha Nascimento em Bonita Lampião: peça estreia dia 26/2 no Teatro Sérgio Cardoso – Foto: Joca Duarte/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Bonita

Esta aí acima é a atriz Aysha Nascimento, querida da coluna, em ensaio para divulgação da peça Bonita Lampião, na qual contracena com Francisco Gaspar sob direção de Lena Roque para o texto de Renata Melo. A obra estreia presencialmente no dia 26 de fevereiro no Teatro Sérgio Cardoso. Merda.

Habemus revista

A turma sacudida que faz a revista Pop-se merece aplauso. Há tempos o mercado editorial brasileiro não via revista com acabamento tão sofisticado. Os publishers Allex Colontonio e André Rodrigues enviaram a quinta edição à coluna, com a deusa Erika Januza na capa. Um primor que dá gosto de ler e folhear com toda a calma do mundo.

Erika Januza na matéria de capa de Pop-se – Foto: Victor Afarro/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Engajada, sem ser chata

O melhor da Pop-se é que trata-se de uma revista antenadíssima com os novos tempos, mas sem entrar naquela chatice do textão pretensioso de rede social. O tomo de 400 páginas aborda assuntos importantes e necessários, sem abrir mão do estilo elegante e de ensaios fotográficos icônicos, que lembram os tempos das boas e velhas revistas de moda. O papa das revistas, Thomaz Souto Corrêia, autor de A Revista no Brasil e nome responsável pela vinda deste colunista para São Paulo, certamente ficará encantado com Pop-se. Com razão.

Cia. A Hora da História: ligações para o público do Sesc Bom Retiro – Foto: Eder Proetti/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Fala comigo?

O Sesc Bom Retiro realiza em março a primeira temporada do projeto Ligar para Contar de 2021, com a Cia A Hora da História. É assim que funcionam: as artistas ligam para o público, que se inscreve no Portal Sesc (inscricoes.sescsp.org.br) e recebem uma ligação com contação de história. Que máximo.

Luccas Papp – Foto: João Sampaio e Davi Gomes/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Segredos

Luccas Papp, ator e dramaturgo que está em cartaz no teatro digital com Jimmy e no presencial com A Bicicleta no Teatro das Artes, participou nesta semana da estreia da nova coluna do Blog do Arcanjo: Raio-X. Nela, o artista abre definitivamente seu coração sobre variados temas. Leia já.

Myriam Rios com o Rainha Esther: temporada na Hebraica de São Paulo – Foto: Arthur Rios/Divulgação – blogdoarcanjo.com

Heroína

A atriz Myrian Rios celebra seus 45 anos de carreira com temporada especial da peça Rainha Esther, no Teatro Arthur Rubinstein, na Hebraica de São Paulo, nos dias 20 e 21, 27 e 28 de março. A direção é de Rogério Fabiano. A obra conta a história da rainha que salvou o povo judeu do extermínio. Estão todos convidados.

Se oriente

O espetáculo O Legítimo Pai da Bomba Atômica reestreia dia 6 de março, sábado, às 20h, na plataforma Sympla. A peça discute questões nucleares e a etnicidade em cena, e traz elenco formado somente por atores nipo-brasileiros. O texto é de Murilo Dias César com direção de Gabriela Rabelo. Estão no elenco Edson Kameda, Gilberto Kido, Ligia Yamaguti, Ricardo Oshiro e Rogério Nagai. A temporada virtual é gratuita. Retire seu ingresso.

Siga @miguel.arcanjo!

Ouça o Podcast do Arcanjo!

+ Artistas, Cultura e Entretenimento

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. Eleito três vezes pelo Prêmio Comunique-se um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil. Nascido em Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. É crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Passou por Globo, Record, Folha, Contigo, Editora Abril, Gazeta, Band, Rede TV e UOL, entre outros. Desde 2012, faz o Blog do Arcanjo, referência no jornalismo cultural. Em 2019 criou o Prêmio Arcanjo de Cultura no Theatro Municipal de SP. É coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro, colunista do Notícias da TV e faz o Podcast do Arcanjo em parceria com a OLA Podcasts. Foto: Edson Lopes Jr.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *