Bienal de São Paulo anuncia mudança de data por conta do coronavírus

A Fundação Bienal anunciou mudanças em sua próxima edição por conta da pandemia do coronavírus no mundo.

Segundo a entidade, o ajuste de calendário expositivo da 34ª Bienal de São Paulo tem como objetivo de garantir a segurança de seus visitantes, artistas e colaboradores, em consonância com os desafios enfrentados por todo o mundo neste momento delicado.

A abertura da exposição coletiva da 34ª Bienal, inicialmente prevista para o dia 5 de setembro, foi adiada para 3 de outubro de 2020, e a visitação foi estendida até 13 de dezembro.

Além disso, as exposições de Clara Ianni e Deana Lawson, bem como as performances de autoria de León Ferrari e Hélio Oiticica, que aconteceriam entre abril e agosto, serão incorporadas à mostra coletiva.

A diretoria da Fundação Bienal e a curadoria da 34ª afirmam que estão em diálogo com as instituições parceiras desta edição da mostra, a fim de tentar manter ao máximo a rede de exposições paralelas planejada em conjunto com esses espaços. Mais informações sobre esse calendário serão divulgadas posteriormente.

As atividades de programação pública, em curso desde o final do ano passado, serão retomadas assim que possível. Enquanto isso, conteúdos da 34ª Bienal serão compartilhados no site da instituição, em suas redes sociais e por meio de newsletters.

“A arte, com sua capacidade de estabelecer conexões e emocionar, é, agora, mais necessária do que nunca. As equipes da Bienal estão trabalhando (remotamente) para que a instituição contribua de alguma forma, no seu âmbito de atuação, durante este momento difícil. A Fundação Bienal agradece a todos pelo apoio e compreensão, e espera recebê-los em outubro, diz José Olympio da Veiga Pereira, presidente da Fundação Bienal de São Paulo.

34ª Bienal de São Paulo — Faz escuro mas eu canto
3 de outubro a 13 de dezembro de 2020
Pavilhão Ciccillo Matarazzo, Parque Ibirapuera
Entrada gratuita

Equipe curatorial
Curador geral: Jacopo Crivelli Visconti
Curador adjunto: Paulo Miyada
Curadores convidados: Carla Zaccagnini, Francesco Stocchi e Ruth Estévez
Editora convidada: Elvira Dyangani Ose em colaboração com The Showroom, London

>>Siga @miguel.arcanjo

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *