Artistas trans conquistam espaço na Satyrianas com a Tenda TransLúdica

Guttervil Guttervil e Fernanda Kawani Custodio, criadoras da Tenda TransLúdica na Satyrianas: domingo (14) na praça Roosevelt, em São Paulo, com entrada a pague quanto puder – Foto: Jonas Lírio – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

A Tenda TransLúdica é um dos destaques da Satyrianas, importante festival cultural de São Paulo com 78 horas de arte neste feriadão a partir das 16h desta quinta (11) até o fim do domingo (14).

A Tenda TransLúdica vai funcionar entre 11h e 21h do domingo (14), na praça Roosevelt, centro paulistano, com atrações com ingressos “pague quanto puder”.

Criada por Guttervil Guttervil e Fernanda Kawani Custódio, artistas do grupo Os Satyros e da produtora, a ação quer promover um bazar que empodere pessoas trans.

“A TransLúdica surgiu da necessidade do empoderamento de corpos trans na empregabilidade”, defende Guttervil, em conversa com o Blog do Arcanjo no UOL, lembrando que esta será a quarta edição do bazar, que vem ganhando visibilidade cada vez maior.

“Teremos mais de dez colaboradores. Isso nos mostra que há um grande demanda de artistas e trabalhadores trans autônomos e com muito talento”, avisa.

Entre as ações, haverá um café da manhã promovido por Tracy Santos e Fran Oliver, da Deixa Q Eu Faço, com mesa de bate-papo, além de vídeos, peças e performances com novos artistas trans que ganham destaque na cena paulistana e brasileira, como Leona Jhovs, Luh Maza, Alex Salcedo, Yasmin gonçalves, Érika Hilton, Cali Ossani, Florido e Marcos Vinícius Belarmino, entre outros.

Siga Miguel Arcanjo Prado no Instagram

Please follow and like us:
Surra de estilo: Prêmio Bibi Ferreira 2022 Grammy Latino 2022: Veja brasileiros indicados! Travessia estreia em 10 de outubro na Globo Fred Raposo é destaque no Mirada Maitê Proença estreia O Pior de Mim em SP