Histórias do produtor da Tropicália Manoel Barenbein viram livro com financiamento coletivo: colabore!

Livro de Renato Vieira traz fala de Manoel Barenbein com bastidores da Tropicália

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Manoel Barenbein é nome que deve ser reverenciado na história da música brasileira. Afinal, foi o produtor responsável por todos os discos da Tropicália, movimento que sacudiu a cultura nacional no final da década de 1960, consolidando nomes como Caetano Veloso, Gilberto Gil e Gal Costa.

As histórias contadas pela boca deste grande personagem agora estão condensadas no livro O Produtor da Tropicália – Manoel Barenbein e Os Álbuns de um Movimento Revolucionário (Editora Garota FM Books), de Renato Vieira.

Para ser publicado, o livro faz campanha de financiamento coletivo, que vai até setembro. Colabore!

O livro ainda celebra o trio de oitentões da Tropicália: Gil, em 26 de junho, Caetano, em 7 de agosto, e Manoel, em 7 de setembro.

Fico muito feliz de poder falar desses discos que produzi. Muito humildemente, eles são históricos. Devo muito aos artistas com quem trabalhei e este livro também é uma forma de agradecer a todos eles.

Manoel Barenbein
produtor musical da Tropicália

A autoria é do jornalista perspicaz e obsessivo pesquisador musical Renato Vieira, um dos bastiões da resistência no jornalismo cultural. Ele fala sobre a importância de jogar holofote a um nome tão importante quanto Manoel Barenbein.

Manoel Barenbein sempre gostou de estar nos bastidores. Ele acredita que o holofote tem que ser do artista. Graças à compreensão de Barenbein, esses artistas se sentiram livres para criar. Ele estimulava isso. No livro Verdade Tropical, por exemplo, Caetano Veloso disse que Barenbein comprou a briga dos tropicalistas com carinho e determinação.

Renato Vieira
escritor, jornalista e pesquisador musical
Renato Vieira e Manoel Barenbein: jornalista faz podcast com o produtor da Tropicália - Fotos: Divulgação - Blog do Arcanjo
Renato Vieira e Manoel Barenbein: jornalista reuniu declarações do produtor musical em livro – Fotos: Divulgação – Blog do Arcanjo

Prefácio de Gil

Com prefácio assinado por Gilberto Gil, o livro O Produtor da Tropicália – Manoel Barenbein e Os Álbuns de um Movimento Revolucionário é baseado no podcast de mesmo nome que foi ao ar pela série Discoteca Básica, no qual Barenbein deu detalhes preciosos da convivência criativa íntima com nomes como Caetano Veloso, Chico Buarque, Gilberto Gil, Gal Costa, João Gilberto, Jorge Ben, Mutantes, Maria Bethânia, Erasmo Carlos, Nara Leão, Rogério Duprat, Ronnie Von, Claudette Soares e Jair Rodrigues.

Na faixa

Manoel Barenbein é citado em várias faixas dos álbuns que produziu. No disco De Noite Na Cama, por exemplo, Erasmo Carlos solta um “Viva o Mané!”. Em Oba, Lá Vem Ela, Jorge Ben fala ao final “Está acabando, Manoel, e eu estou de olho nela!”.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tim Maia: 80 anos do eterno síndico Arlete Salles brilha no Teatro das Artes Surra de estilo: Prêmio Bibi Ferreira 2022 Grammy Latino 2022: Veja brasileiros indicados! Travessia estreia em 10 de outubro na Globo