Rapidinhas Teatrais | Silvetty Montilla faz participação especial na estreia de Só por Deus no Teatro Itália

Por MIGUEL ARCANJO PRADO
@miguel.arcanjo

Participação especial

A hilária Silvetty Montilla é a convidada das duas primeiras sessões da comédia Só por Deus, com Darwin Demarch e Rita Murai, nesta sexta e sábado, 21h, reabrindo o Teatro Itália, no centro paulistano, sob produção da Ventilador de Talentos de Paulo Marcel e direção de Grace Gianoukas. Diversão garantida.

Retomada poética

Sempre uma atriz interessante de se ver de perto, Cássia Kis (sim, o nome dela agora se escreve desse jeito), volta ao teatro com a peça Meu Quintal É Maior do que o Mundo. A temporada será de 4 a 7 de março no Teatro Vivo, no Morumbi. Ulysses Cruz, velho amigo da atriz, dirige a obra inspirada na poesia de Manoel de Barros e trilha ao vivo por Gilberto Rodrigues. Promete.

Quarteto fantástico

Amigos de longa data, Miguel Falabella e Danielle Winits voltam a se unir no palco em A Mentira, peça do francês Florian Zeller. A montagem ainda traz Alessandra Verney e Fred Reuter, estrelas dos musicais. Temporada estreia em 4 de março no Teatro Claro do Shopping Vila Olímpia. Vai dar match.

Reencontro com o público

Cada dia mais belo, o diretor Jé Oliveira está feliz da vida com o sucesso da volta do espetáculo musical Gota D’água Preta. A sessão nesta quinta, 17, no Sesc Interlagos, foi uma emoção que só. Coisa boa.

Acabou Chorare

O virtuoso músico Paulinho Boca de Cantor vai celebrar os 50 anos do excelente disco Acabou Chorare, dos Novos Baianos, no próximo 23 de fevereiro, quarta, às 20h30, com show no Teatro Sérgio Cardoso, na Bela Vista. E o melhor, a entrada é grátis. Vai perder?

Cabeça do audiovisual

Uma das principais intelectuais do cinema e da TV, Viviane Pistache, crítica e roteirista, traçou um importante paralelo entre o curta Carolina e o longa M8, ambos do cineasta Jeferson De, durante o projeto Cinema Falado do Cine Satyros Bijou nesta quinta, 17, após exibição dos dois filmes. Falou com propriedade e emocionou o público presente. Aliás, a Mostra 1ª Semana da Identidade Negra no Cinema Brasileiro vai até domingo com programação imperdível com filmes de André Novais Oliveira e Viviane Ferreira, entre outros. Corra, Lola, corra.

Emoção poética

A atriz Lilian Peres, do Grupo Gattu, foi assistir ao filme M8 – Quando a Morte Socorre a Vida, de Jeferson De, e saiu emocionada do Cine Satyros Bijou. Escreveu a seguinte poesia sob o impacto do longa que fala do racismo estrutural vivido pelo estudante de medicina negro interpretado por Juan Paiva.

Escrever é derramar
O que em mim sufoca
O sangue , a carne, a alma, a pele
Todos os silêncios guardados
Todos os rios não chorados
Os chicotes lançados
A fome e o abandono
Os escravos
As mães e os filhos perdidos
A frieza do racismo velado
Hoje , amanhã e o passado
Escrevo pois assim sou livre
Escrevo pois é assim que grito
Persisto e resisto


Lilian Peres

Clássico online

Livremente inspirada na obra de García Lorca, Bodas de Sangue pode ser vista em formato audiovisual na plataforma #CulturaemCasa com o Coletivo Esperanza. Estão sob direção de Tiago Venusto os atores Alana Ferrigno, Alzira Bosaipo, Glednna Fernanda e Roberta Rangel. Vale a pena conferir.

Superprodução

A peça Terremoto estreia dia 5 de março no Teatro Sesi-SP com 30 atores dirigidos por Marco Antônio Pâmio, entre eles Virginia Cavendish, Paloma Bernardi e Bruna Guerin. A obra do renomado britânico Mike Bartlett mistura ópera, cinema e musical. Eita.

Química

Os atores Julia Bobrow e Eduardo Chagas apresentam sintonia fina como pai e filha no espetáculo Pessoas Brutas, em cartaz no Espaço dos Satyros, na Praça Roosevelt. Ambos arrebatam o público com suas atuações de composição impecável. Corra pra ver.

Descanso merecido

Após participarem do reality Power Couple Brasil 5 na Record, Thiago Bertoldo e Geórgia Fröhlich recarregaram as baterias na Praia de Muro Alto, em Porto de Galinhas, Pernambuco. “Os pernambucanos têm uma energia contagiante”, elogiam. O amor é lindo, não é mesmo?

Temporada paulistana

Com 14 anos de trajetória, os curitibanos da Súbita Companhia estreiam duas peças na Oficina Cultural Oswald de Andrade, no Bom Retiro, a partir de 8 de março: Mulher, Como Você se Chama?, de Janaina Matter, e O Arquipélago, de Pablito Kucarz, sob direção de Maíra Lour. A temporada é gratuita. Apareça por lá.

Atenção, cariocas

Terminam no dia 20 de fevereiro suas respectivas temporadas no Rio de Janeiro as peças Eu de Você, com Denise Fraga no CCBB RJ, Quando Eu For Mãe Quero Amar Desse Jeito, com Vera Fischer no Sesc Copacabana, e A Cor Púrpura, com Letícia Soares no Teatro Riachuelo. Depois não diga que não avisei.

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

Um dos mais influentes e respeitados jornalistas e críticos culturais do Brasil, Miguel Arcanjo Prado dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. É mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação Social pela UFMG e crítico da APCA – Associação Paulista de Críticos de Artes, da qual foi vice-presidente. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foi eleito entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se e Prêmio Governador do Estado de São Paulo. Passou por Globo, Record, R7, Record News, Folha, Abril, Contigo, Superinteressante, Band, Gazeta, UOL, Uma, Rede TV!, TV UFMG e O Pasquim 21. É jurado das premiações Prêmio Arcanjo, Sesc Melhores Filmes, Prêmio Bibi Ferreira, Prêmio Destaque Digital, Melhores do Ano Guia da Folha, Prêmios ANCEC e Prêmio Canal Brasil de Curtas. É vencedor do Troféu Nelson Rodrigues, Prêmio Destaque em Comunicação Nacional ANCEC, Troféu Inspiração do Amanhã e Prêmio África Brasil.
Foto: Edson Lopes Jr.
© Blog do Arcanjo – Entretenimento e Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Morre pai do Padre Marcelo: “Até a eternidade” Colplay cancela shows no Brasil por doença de Chris Martin Marilyn Monroe, Blonde: Curiosidades do filme Tim Maia: 80 anos do eterno síndico Arlete Salles brilha no Teatro das Artes