Halston: 10 motivos para maratonar a série na Netflix

10 motivos para você maratonar Halston na Netflix - Foto: Patrick McMullan - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
10 motivos para você maratonar Halston na Netflix – Foto: Patrick McMullan – Netflix – Blog do Arcanjo

Uma excelente série de apenas 5 episódios, que nesses dias frios pode ser aproveitada como um bom livro e que está disponível no catálogo da Netflix é Halston. A série conta a história do designer Roy Halston Frowick, um dos maiores influenciadores da moda americana nos anos 1970, mas que teve seu nome apagado da história devido a sua vida rodeada de polêmicas, controvérsias e falência financeira.

Halston é lenda da moda

Halston (1932-1990) gerou uma revolução na moda por ser um artista visionário e além do seu tempo. Sua união com grandes lojas de departamentos acabou sendo mal vista pela alta sociedade e alta costura, espaços onde ele se criou como o artista que era. O ícone foi seguido por muitos outros estilistas depois dele nesse empreendimento.

E se tem algo que ele sabia fazer era viralizar e entrar no imaginário das pessoas que estavam antenadas neste universo naquela época. O Blog do Arcanjo separou 10 motivos para te motivar a conhecer melhor a vida desse gênio da moda:

1 – Um drama real

Elsa Peretti, Halston, Joe Eula e Victor Hugo no lendário Studio 54 - Foto: Divulgação - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Elsa Peretti, Halston, Joe Eula e Victor Hugo no lendário Studio 54 – Foto: Divulgação – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Baseado na biografia Simply Halston, escrita por Steven Gaines, a minissérie conta a trajetória de Halston, desde a criação de seu primeiro chapéu feito para agradar a mãe e aliviá-la da tristeza do dia a dia com seu pai, que tinha comportamentos abusivos, passando por sua ascensão no mundo da alta costura e alta sociedade até sua infeliz e triste queda. Uma passagem rápida como um cometa, mas que gerou um grande impacto no mundo da moda.

2 – Parte da história da moda norte americana e europeia

As Halstonettes - como eram conhecidas as modelos do Halston - em desfile durante a Batalha de Versalhes - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
As Halstonettes – como eram conhecidas as modelos do Halston – em desfile durante a Batalha de Versalhes – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Nas palavras do diretor Daniel Minahan: Halston é “a pessoa mais famosa que você nunca ouviu falar”. Apesar de não ser tão conhecido, Halston teve um enorme impacto na indústria da moda norte-americana e também europeia, especialmente na década de 70. Extremamente ambicioso, chegou a anunciar na TV que seu desejo era “vestir todas as mulheres da América”. O frasco de seu perfume, criado pela modelo e designer de joias Elsa Peretti, também foi artigo de luxo e desejo de toda a classe alta.

3 – Halston foi realmente uma das maiores referências nos anos 70

O elenco posando para foto na gravação das cenas da Batalha de Versalhes - um marco na carreira de Halston - Foto: Atsushi Najishima - Netflix - Blog do Arcando - 2021
O elenco posando para foto na gravação das cenas da Batalha de Versalhes – um marco na carreira de Halston – Foto: Atsushi Najishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

O jornal Women’s Wear Daily, a bíblia da moda americana, afirmou que Halston “definiu todo o estilo americano”, principalmente após a Batalha de Versalhes, um evento beneficente que reuniu os 5 maiores estilistas franceses, entre eles: Marc Bohan, com a marca de Christian Dior, Yves Saint Laurent, Hubert de Givenchy Pierre Cardin e Emanuel Ungaro e 5 maiores estilistas norte-americanos, Oscar de la Renta, Anne Klein, Stephen Burrows, Bill Blass e o próprio Halston.

4 – Representatividade LGBTQIA+

Victor Hugo, pareceiro de Halston, se jogando na pista do Studio 54 - Foto: Atsushi Nijishima/Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Victor Hugo, parceiro de Halston, se jogando na pista do Studio 54 – Foto: Atsushi Nijishima/Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

A série também traz os romances vividos com seus namorados, sendo Victor Hugo o mais marcante e, infelizmente, trágico. Amigos e familiares afirmam que ele foi um dos responsáveis a levar Halston à decadência por seu comportamento tóxico e abusivo.

5 – Representatividade Negra

Uma das modelos conhecidas como Halstonettes - Foto: Jojo Whilden - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Uma das modelos conhecidas como Halstonettes – Foto: Jojo Whilden – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Apesar de ser mero detalhe na série, Halston sempre fez questão de colocar e revelar modelos negras em seus desfiles, como Pat Cleveland e Beverly Johnson, 2 das primeiras top models negras.

6 – Representatividade Plus Size

Shawna Hamic faz o papel de Pat Ast, diva de Halston e Andy Warhol - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - 2021
Shawna Hamic faz o papel de Pat Ast, diva de Halston e Andy Warhol – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – 2021

Halston também foi responsável por lançar modelos Plus Size já na década de 70, como sua amiga Pat Ast, que também era musa de ninguém menos que Andy Warhol.

7 – Studio 54

Rebecca Dayan e Gian Franco Rodriguez como Elsa Peretti e Victor Hugo na pista do Studio 54 - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Rebecca Dayan e Gian Franco Rodriguez como Elsa Peretti e Victor Hugo na pista do Studio 54 – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Algo que também está presente na minissérie é a lendária discoteca Studio 54, ponto de encontro dos maiores estilistas, cantores, modelos e artistas plásticos da época como Cher, Calvin Klein, Liza Minnelli, Anjelica Houston, Basquiat e incontáveis outras lendas, como o próprio Andy Warhol. Apesar de não ser muito retratado na minissérie, Halston e Warhol mantinham uma admiração e inspiração mútua, além de fortes laços de amizade.

8 – A amizade com Liza Minnelli

Krysta Rodriguez e Ewan McGregor como Liza e Halston - Grandes amigos - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Krysta Rodriguez e Ewan McGregor como Liza e Halston – Grandes amigos – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Já a amizade e toda a intimidade que o estilista mantinha com Liza Minnelli está presente na série. Halston foi responsável pela repaginação do figurino de Liza para suas performances.

9 – Criação e produção de Ryan Murphy

Ewan McGregor como Halston, David Pittu como Joe Eula e Rebecca Dayan como Elsa Peretti - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Ewan McGregor como Halston, David Pittu como Joe Eula e Rebecca Dayan como Elsa Peretti – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Já conhecido por seus grandes sucessos como Glee, American Horror Story, Ratched, a atmosfera e o ritmo que apenas o aclamado Ryan Murphy consegue transmitir em suas produções está presente em Halston.

10 – Um elenco de primeira

Um elenco de peso na pele - e nas roupas! - de figuras lendárias - Foto: Atsushi Nijishima - Netflix - Blog do Arcanjo - 2021
Um elenco de peso na pele – e nas roupas! – de figuras lendárias – Foto: Atsushi Nijishima – Netflix – Blog do Arcanjo – 2021

Uma minissérie com nomes de peso como Ewan McGregor interpretando Halston, Krysta Rodriguez roubando as cenas no papel de Liza Minnelli, Rebecca Dayan como a modelo e designer de jóias Elsa Peretti, responsável pela criação do frasco do perfume Halston, Gian Franco Rodriguez fazendo o namorado abusivo Victor Hugo, e muitos outros: Bill Pullman como David Mahoney, David Pittu como Joe Eula, Sullivan Jones como Ed Austin, Rory Culkin como Joel Schumacher, Kelly Bishop como Eleanor Lambert e Vera Farmiga como Adele.

Confira o Trailer:

Siga @miguel.arcanjo

Inscreva-se no canal Blog do Arcanjo

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é miguel-arcanjo-prado-foto-edson-lopes-jr.jpg

O jornalista e crítico de artes Miguel Arcanjo Prado é mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia e Cultura pela ECA-USP, bacharel em Comunicação pela UFMG e crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Está entre os melhores jornalistas de Cultura do Brasil pelo Prêmio Comunique-se. Passou por Globo, Record, Folha, Abril, Band e UOL. Dirige o Blog do Arcanjo e o Prêmio Arcanjo. Coordena a Extensão Cultural da SP Escola de Teatro e faz o Podcast do Arcanjo. Foto: Edson Lopes Jr.

© Blog do Arcanjo – Cultura por Miguel Arcanjo Prado | Todos os direitos reservados | Proibida reprodução sem citação com link.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é podcast-do-arcanjo.jpg
Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *