Prêmio APCA divulga indicados 2020 em Música e TV

Por Miguel Arcanjo Prado

Críticos das áreas de Música e Televisão da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes), entidade da qual o autor deste Blog do Arcanjo é membro e já foi vice-presidente, divulgaram nesta semana a lista de seus indicados referente ao ano de 2020. As outras áreas da entidade de críticos paulistas não divulgaram listas, entre elas Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Dança, Literatura, Moda, Música Erudita, Rádio, Teatro e Teatro Infanto-Juvenil. A previsão é que no fim de janeiro as outras áreas se reúnam e decidam se vão indicar premiados referentes a 2020. Veja as lista de Televisão e Música, que foram antecipadas ao público.

Conheça os indicados ao Prêmio Arcanjo de Cultura

Televisão

Melhor atriz
Andrea Beltrão por “Hebe” 
Camila Morgado por “Bom Dia, Verônica” 
Marjorie Estiano por “Sob Pressão” 
Regina Casé “Amor de Mãe” 
Tatiana Tiburcio por “Falas Negras”  

Melhor ator
Antônio Grassi por “Bom Dia, Verônica”
Chay Suede por “Amor de Mãe”
Eduardo Moscovis por “Bom Dia, Verônica”
Julio Andrade por “Sob Pressão”
Marcello Melo Jr. por “Arcanjo Renegado”

Melhor dramaturgia
“Amor de Mãe”, da TV Globo
“Bom Dia, Verônica”, da Zola Filmes e Netflix
“Desalma”, da Globoplay
“Hebe”, da Globo Filmes e Globoplay
“Sob Pressão”, da TV Globo)

Melhor programa
12ª edição de “A Fazenda”, da TV Record
20ª edição do “Big Brother Brasil”, da TV Globo
“Combate ao Coronavírus”, da TV Globo
“Conversa com Bial”, da TV Globo
“Guia Politicamente Incorreto – Temp. 2”, do History Channel

Destaque do ano
CNN Brasil
Márcio Gomes, da Globo e da CNN Brasil
Daniela Lima, da CNN Brasil)
“Em Nome de Deus”, da Globoplay
“Falas Negras”, da TV Globo

Humor
“Diário de Um Confinado”, da Globoplay,
“CAT BBB”, com Rafael Portugal, da TV Globo
Marcelo Adnet por “Sinta-se em Casa”, da Globoplay
Maria Bopp, a Blogueirinha do Fim do Mundo
Paulo Vieira, da TV Globo

Música

Melhor Artista
Caetano Veloso
Emicida
Luedji Luna
Mateus Aleluia
Teresa Cristina

Artista Revelação 2020
Flora – “A Emocionante Fraqueza dos Fortes”
Gilsons – “Várias Queixas”
Guilherme Held – “Corpo Nós”
Jadsa – “Taxidermia vol 1” (projeto com João Meirelles)
Jup do Bairro – “Corpo sem Juízo”

Melhor Live
Arnaldo Antunes e Vitor Araujo (03/10)
Caetano Veloso (07/08)
Emicida (10/05)
Festival Coala – Coala.VRTL 2020 (12 e 13/09)
Teresa Cristina (Todas as Noites)

Top 50 discos
Adriana Calcanhotto – “Só”
ÀIYÉ – “Gratitrevas”
André Abujamra – “Emidoinã – a Alma de Fogo”
André Abujamra e John Ulhoa – “ABCYÇWÖK”
Arnaldo Antunes – “O Real Resiste”
Baco Exu do Blues – “Não Tem Bacanal na Quarentena”
Beto Só – “Pra Toda Superquadra Ouvir”
BK – “O Líder Em Movimento”
Bruno Capinam – “Leão Alado Sem Juba”
Bruno Schiavo – “A vida Só Começou”
Cadu Tenório – “Monument for Nothing”
Carabobina – “Carabobina”
Cícero – “Cosmo”
Daniela Mercury – “Perfume”
Deafkids – “Ritos do Colapso 1 & 2”
Djonga – “Histórias da Minha Área”
Fabiana Cozza – “Dos Santos”
Fernanda Takai – “Será Que Você Vai Acreditar?”
Fran e Chico Chico – “Onde?”
Giovani Cidreira e Mahau Pita – “Manomago “
Guilherme Held – “Corpo Nós”
Hiran – “Galinheiro”
Hot e Oreia – “Crianças Selvagens”
Ira! – “IRA”
Joana Queiroz – “Tempo Sem Tempo”
Jonathan Tadeu – “Intermitências”
Josyara e Giovani Cidreira – “Estreite”
Julico – “Ikê Maré”
Jup do Bairro – “Corpo sem Juízo”
Kiko Dinucci – “Rastilho”
Letrux – “Letrux aos Prantos”
Luedji Luna – “Bom Mesmo É Estar Debaixo D’água”
Mahmundi – “Mundo Novo”
Marcelo Cabral – “Naunyn”
Marcelo D2 – “Assim Tocam Meus Tambores”
Marcelo Perdido – “Não Tô Aqui Pra Te Influenciar”
Mateus Aleluia – “Olorum”
Negro Leo – “Desejo de Lacrar”
Orquestra Frevo do Mundo – “Orquestra Frevo do Mundo”
Pedro Pastoriz – “Pingue-Pongue com o Abismo”
Rico Dalasam – “Dolores Dala Guardião do Alívio”
Sepultura – “Quadra”
Seu Jorge & Rogê – “Seu Jorge & Rogê”
Silvia Machete – “Rhonda”
Tagua Tagua – “Inteiro Metade’
Tantão e os Fita – “Piorou”
Tatá Aeroplano – “Delírios Líricos”
Thiago França – “KD VCS”
Wado – “A Beleza que Deriva do Mundo, mas a Ele Escapa”
Zé Manoel – “Do Meu Coração Nu”

Conheça os indicados ao Prêmio Arcanjo de Cultura

Miguel Arcanjo Prado é jornalista, mestre em Artes pela UNESP, pós-graduado em Mídia, Informação e Cultura pela ECA-USP e bacharel em Comunicação Social pela UFMG. Eleito três vezes pelo Prêmio Comunique-se um dos melhores jornalistas de Cultura do Brasil. Nascido em Belo Horizonte, vive em São Paulo desde 2007. É crítico da APCA, da qual foi vice-presidente. Passou por Globo, Record, Folha, Contigo, Editora Abril, Gazeta, Band, Rede TV e UOL, entre outros. Desde 2012, faz o Blog do Arcanjo, referência no jornalismo cultural. Em 2019 criou o Prêmio Arcanjo de Cultura no Theatro Municipal de SP. Em 2020, passou a ser Coordenador de Extensão Cultural e Projetos Especiais da SP Escola de Teatro e começou o Podcast do Arcanjo em parceria com a OLA Podcasts. Foto: Bob Sousa.

Siga @miguel.arcanjo

Ouça o Podcast do Arcanjo

Veja as últimas notícias dos artistas


Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *