Rapidinhas: Luis Miranda ri da elite em Madame Sheila no teatro digital

Por Miguel Arcanjo Prado

Prova de elite

Uma ricaça brasileira em quarentena em Paris é garantia de riso no solo do ótimo Luis Miranda sob direção de Monique Gardenberg. Madame Sheila estreou nesta quinta, no projeto Teatro Unimed em Casa. O time do espetáculo de teatro digital é poderoso e traz: Daniela Thomas (cenografia), Jorge Farjala (figurino), Glauco Firpo (direção de fotografia) e Beto Bruel (iluminação). Gente boa reunida.

Moda é poder

A revista ELLE, que completa 75 anos no mundo, está de volta ao Brasil sob comando de Paula Mageste e Susana Barbosa. O retorno teve direito a 4 capas diferentes em tiragem total de 15 mil exemplares. A coluna conta quem foram os fotógrafos que clicaram cada um dos artistas: Bob Wolfenson (Gilberto Gil), Edgar Azevedo (Djamila Ribeiro), Mar+Vin (Iza) e Nicole Heinger (Katú Mirim). Focada em público poderoso, a publicação sairá nos meses de março, maio, setembro e dezembro ao preço de R$ 64,90 com direito a frete a todo o Brasil. Impressa, como nos velhos tempos. Que bom.

Estreia especial

Primeiro ator do teatro digital no mundo, Ivam Cabral abriu a programação do espaço SP Escola de Teatro Digital na Sympla, nesta quinta, com seu solo Todos os Sonhos do Mundo, dirigido por Rodolfo García Vázquez. E com sala virtual lotada. Danado.

Abre a porta, Mariquinha

Nicole Puzzi, atriz e musa maior de nosso cinema, não conseguia entrar na sala da Sympla para prestigiar o amigo Ivam Cabral na estreia da SP Escola de Teatro Digital. Mas, logo tudo foi resolvido antes do terceiro sinal e a grande estrela pode prestigiar seu colega de Cia. de Teatro Os Satyros. Ufa.

Quase uma Martha Rocha

Durante a sessão de inauguração da SP Escola de Teatro Digital, Ivam Cabral fez uma revelação. Jane, impressionante personagem de seu solo Todos os Sonhos do Mundo, por pouco não foi parar no Miss Brasil. Olheiros queriam levar a bela moça de Ribeirão Claro, cidadezinha do interior paranaense onde ele nasceu, ao concurso de beleza feminina nacional. Mas, ela não topou. Quem sabe Jane não teria sido a nossa sonhada Miss Universo?

Poeta espanhol

Sergio Mamberti, nosso talentoso e amado ator, vai mergulhar fundo na obra de Federico García Lorca nesta sexta, 20h, na SP Escola de Teatro Digital, em L Rapsódia, Lorca, Poesia e Música. Garanta seu ingresso.

Mistérios da meia noite

A coluna descobriu que atores renomados da nova geração estão combinando resguardo para encontros fortuitos nesta quarentena. Eita.

Povo gosta

Devido ao sucesso de público, a temporada de Vianova e os Viajantes do Espaço foi prorrogada até o dia 8 de novembro. A obra futurista é apresentada no Ginásio Ibirapuera. Com todos os protocolos de segurança. Aviso dado.

Telona

Estrelado por Marcélia Cartaxo, Pacarrete, de Allan Deberton, estreia nos cinemas dia 26 de novembro. O filme abocanhou 8 Kikitos no 47º Festival de Cinema de Gramado. A coluna lembra quais: Melhor Filme, Melhor Filme Júri Popular, Melhor Direção, Melhor Atriz, Melhor Roteiro, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz Coadjuvante e Melhor Desenho Sonoro. No balcão de apostas, Pacarrete está bem cotado para representar o Brasil na corrida pelo Oscar 2021 de Melhor Filme Estrangeiro. Tomara.

Peça com o ex

Débora Falabella vai trabalhar com o ex-marido, o músico Chuck Hipolitho, na peça Cara Palavra, que estreia em 24 de outubro no Teatro Porto Seguro, em São Paulo, com dramaturgia e direção de Pedro Brício. Débora está no elenco, já Chuck integra o time de músicos da montagem ao lado de Thiago Guerra. A obra ainda tem no elenco Andreia Horta, Mariana Ximenes e Bianca Comparato. Só as VIPs.

Debutante

Falando em Débora Falabella, ela celebra os 15 anos de seu Grupo 3 de Teatro em parceria com o Itaú Cultural. Nas três primeiras terças-feiras, a partir do dia 6 de outubro, apresenta, ao vivo, o espetáculo Contrações. Na última semana do mês, exibe o registro do premiado Love, Love, Love. Por sua vez, a peça Neste Mundo Louco, Nesta Noite Brilhante ganha formato de websérie, dividida em cinco episódios dirigidos pelo fotógrafo, cineasta e documentarista João Wainer, neto da escritora Danuza Leão e do grande jornalista Samuel Wainer. Gente fina.

Siga @miguel.arcanjo

Ouça o Podcast do Arcanjo

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *