Jô Soares se emociona com Prêmio do Humor de Fabio Porchat; veja quem levou

Idealizador do Prêmio do Humor, Fabio Porchat abraça Jô Soares, homenageado da primeira edição paulistana – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Jô Soares foi o grande homenageado da primeira edição do Prêmio do Humor em São Paulo, idealizado por Fabio Porchat, na noite desta terça-feira (12).

Humorista, ator, diretor, escritor e apresentador, Jô se emocionou ao receber a grande homenagem da noite das mãos de Cassio Scapin e Marcelo Medici, ao lado do pupilo Fabio Porchat, que financia a premiação do próprio bolso como forma de prestigiar o mundo da comédia.

“O Fabinho começou no meu programa, ainda adolescente. Ele foi com a escola e pediu uma oportunidade para se apresentar. Foi sua primeira apresentação pública e tenho muito orgulho de ele ter começado comigo”, falou Jô, emocionado.

Jô Soares discursa ao receber homenagem do Prêmio do Humor em SP observado por Marcelo Medici, Cassio Scapin e Fabio Porchat – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Antes de subir ao palco, Jô ressaltou a importância do humor, ainda vítima de preconceito dentro da própria classe artística: “O dramaturgo alemão Bertolt Brecht dizia que teatro que não faz rir é para rir”, ensinou.

Jô aproveitou para anunciar que voltará aos palcos este ano com um espetáculo baseado em sua autobiografia. “Vou fazer uma grande turnê, mas só em São Paulo. De casa ao Teatro Faap, porque viajar eu não quero mais”, avisou.

Fabio Porchat ressaltou que criou o Prêmio do Humor para justamente prestigiar os artistas que provocam o riso no público e que não costumam ser contemplados em premiações mais tradicionais por conta do preconceito do qual a comédia é vítima.

O júri paulistano foi composto por Ary França, Fabiana Seragusa, Miguel Arcanjo Prado [autor deste Blog do Arcanjo no UOL], Paulo Bonfá e Rosana Hermann. A Inverno Produções é responsável pela produção do Prêmio do Humor.

A dupla Marcelo Medici e Ricardo Rathsam levou Melhor Espetáculo para “Teatro para Quem Não Gosta” no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Marcelo Medici voltou ao palco ao lado de Ricardo Rathsam para receber Melhor Espetáculo para “Teatro para Quem Não Gosta”.

Medici, em seu discurso, afirmou que os comediantes não devem se censurar entre si e conclamou pela “liberdade na criação artística”.

Eduardo Martini comemora o Prêmio Especial no primeiro Prêmio do Humor de SP por seus 40 anos de carreira – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Eduardo Martini, que ganhou Prêmio Especial por seus 40 anos de carreira dedicada às comédias no teatro, comoveu a todos durante emocionado discurso, logo após receber o troféu, entregue pela atriz e comediante Grace Gianoukas.

Martini lembrou o apoio de Fernanda Montenegro quando começou a carreira ao lado de Fernanda Torres, sua colega no curso de teatro, quando sofria resistência de seu pai por conta da carreira artística escolhida. Aos prantos, dedicou o troféu ao pai, que já faleceu, lembrando que já com Alzheimer avançado este o acompanhava no teatro com muita felicidade.

Martini ainda pediu união dos artistas na divulgação de trabalhos dos colegas: “Compartilhem teatro, só assim ficaremos mais fortes”, ponderou. Ao dirigir-se a Jô Soares, declarou que via nele “o grande exemplo de um artista que resistiu à ditadura”.

Carolina Ferraz levou Melhor Performance no primeiro Prêmio do Humor de SP – Foto: Leandro Menezes – Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Outra que se emocionou foi Carolina Ferraz, ao receber Melhor Performance das mãos do jurado Ary França, que representou o júri, por “Que Tal Nós Dois?”. A atriz revelou que passava por uma situação difícil no ano passado e que muitas vezes pensava que não conseguiria entrar em cena para fazer a peça. “Mas eu fazia e e saía ótima depois. O teatro me salvou”, balbuciou sob forte emoção.

Thiago Ventura levou Melhor Texto no Prêmio do Humor por “Só Agradece” – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Thiago Ventura venceu como Melhor Texto por “Só Agradece”. O troféu foi entregue pelo grupo de improviso Barbixas. Em rápido discurso, Ventura afirmou ser “da quebrada” e reiterou a importância do reconhecimento de seu árduo trabalho no stand up.

Marcelo Várzea, eleito Melhor Direção por “Michel III”, discursa no Prêmio do Humor em SP, observado por Isabella Robinson, mãe de Fabio Porchat – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Já o prêmio de Melhor Direção foi dado a Marcelo Várzea, por “Michel III – Uma Farsa à Brasileira”. Ele recebeu o troféu das mãos de Fafy Siqueira. Várzea lembrou que começou a carreira na comédia e que ter voltado à direção foi um momento de reencontro consigo mesmo como artista. “O teatro me mostrou quem eu sou”, definiu. Fafy aproveitou o palco para dizer que sonha em trabalhar com Jô Soares e pedir um aplauso a Dercy Gonçalves, “a primeira feminista do Brasil”, em sua definição. Foi prontamente atendida por todos.

Fabio Porchat imprimiu ritmo e bom humor à cerimônia ao longo de suas rápidas e eficientes entradas, nas quais contou com a assistência de sua mãe, Isabella Robinson. Ela ajudou a distribuir os troféus no palco e a conduzir os vencedores. Isabella inclusive deu um pito no filho por não chamá-la para perto na hora da entrega a Jô Soares. “Você não me deixou dar um beijo no Jô”, passou a reprimenda a Porchat, antes de ir cumprimentar o grande homenageado na plateia.

Quem esteve no 1º Prêmio do Humor em São Paulo

O ator Ary França, que integra o júri do Prêmio do Hujmor criado por Fabio Porchat – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O comediante Buiú prestigiou o Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A atriz Chris Couto concorreu a Melhor Performance no Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Denise Fraga entregou a categoria Melhor Peça do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A humorista Faby Siqueira entregou o troféu de Melhor Direção no Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O ator e humorista Gregório Duvivier acompanhou a cerimônia do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A atriz Iara Jamra prestigiou o Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Homenageado da noite, Jô Soares acompanhou todos os detalhes do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A atriz Julianne Trevisol prestigiou a cerimônia do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Ator argentino radicado em São Paulo, Juan Manuel Tellategui aplaudiu o Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Os promoters Luiz Fernando Coutinho e Liège Monteiro cuidaram dos convidados da festa do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Marcelo Laham e Alexandra Richter prestigiaram o Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Marcelo Medici, que levou Melhor Peça, no Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O jornalista e crítico Miguel Arcanjo Prado, jurado do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O humorista Murilo Couto curtiu a festa do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O casal Nataly Mega e Fabio Porchat, o criador do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Os cantores Tony Nogueira e Supla se divertiram na festa do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O humorista Oscar Pardini aproveitou para fazer uma selfie com o apresentador Moacyr Franco no Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

O humorista e apresentador Paulo Bonfá, jurado no Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A cantora Roberta Miranda prestigiou a cerimônia do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

A roteirista e apresentadora Rosana Hermann, jurada do Prêmio do Humor em SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Valentina Ferraz e sua mãe, a premiada Carolina Ferraz no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Fabio Porchat beija a mulher, Nataly Mega, durante a festa do Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Emerson Brandt, Patricia Vilela, Miguel Arcanjo Prado, Ary França e Juan Manuel Tellategui no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Fabio Porchat posa com a equipe da Inverno Produções, responsável pela gestão e produção do Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Juan Manuel Tellategui, Eduardo Martini, Marcelo Medici, Paulo Almeida, Ary França, Grace Gianoukas, Miguel Arcanjo Prado e Fabio Porchat no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Os humoiristas Micheli Machado e Robson Nunes no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

Os jurados Miguel Arcanjo Prado e Rosana Hermann e o homenageado Jô Soares no Prêmio do Humor SP – Foto: Leandro Menezes/Divulgação Prêmio do Humor – Blog do Arcanjo – UOL

1°PRÊMIO DO HUMOR SÃO PAULO: LISTA COMPLETA DE INDICADOS E VENCEDORES

MELHOR PEÇA
A Dona da História
A Milionária
Bagagem
Paisagem em Campos do Jordão
Só Agradece
Teatro Para Quem Não Gosta

MELHOR DIREÇÃO
Diego Fortes, por Moliére
João Falcão, por A Dona da História
Marcelo Várzea, por Michel III – Uma Farsa à Brasileira
Mauro Baptista Vedia, por Paisagem em Campos do Jordão

MELHOR TEXTO
Fábio Brandi Torres, por Michel III – Uma farsa à Brasileira
Marcelo Mirisola e Nilo Oliveira, por Paisagem em Campos do Jordão
Thiago Ventura, por Só Agradece

MELHOR PERFORMANCE
Ailton Guedes, por Contos de Barbas
Carolina Ferraz, por Que Tal Nós Dois?
Chris Couto, por A Milionária
Fábio Espósito, por Paisagem em Campos do Jordão
Luana Martau, por A Dona da História
Marcio Ballas, por Bagagem
Ricardo Rathsam, por Teatro para Quem não Gosta
Suely Franco, por Quarta-feira, sem Falta, Lá em Casa
Thiago Ventura, por Só Agradece

CATEGORIA ESPECIAL
Eduardo Martini, pelos 40 anos de carreira com constante contribuição ao teatro de humor em São Paulo
José de Anchieta, Elena Toscano e Anderson Bueno, por, respectivamente, cenografia, figurino e visagismo de Meu Filho Vai Casar
Patrick Maia, pela criação do Clube do Minhoca

HOMENAGEADO
Jô Soares

O Prêmio do Humor no Rio será entregue na próxima terça (19).

INDICADOS RIO DE JANEIRO

TEXTO
Henrique Fontes e Pablo Capistrano, por A Invenção do Nordeste
Leandro Muniz, por A Vida Não É um Musical — O Musical
Pedro Brício, por O Condomínio
Zéu Britto, por Delírios da Madrugada

DIREÇÃO
João Fonseca e Leandro Muniz, por A Vida Não É um Musical — O Musical
Pedro Brício e Alcemar Vieira, por O Condomínio
Quitéria Kelly, por A Invenção do Nordeste

PEÇA
A Invenção do Nordeste
A Vida Não É um Musical — O Musical
Delírios da Madrugada
O Condomínio

PERFORMANCE
Daniela Fontan, por A Vida Não É um Musical — O Musical
Isabelle Marques, por Tô de Graça
Izabella Van Hecke, por Super Moça
Marcelo Nogueira, por A Vida Não É um Musical — O Musical
Mateus Cardoso, por A Invenção do Nordeste
Pedroca Monteiro, por O Condomínio
Rodrigo Sant’Anna, por Tô de Graça
Zéu Britto, por Delírios da Madrugada

CATEGORIA ESPECIAL
Fabiano Krieger, pelas músicas da peça A Vida Não É um Musical – O Musical
Miguel Falabella, pela adaptação em versos da peça Mordidas
Zéu Britto, pelas músicas da peça Delírios da Madrugada

HOMENAGEADA
Berta Loran

Siga o Prêmio do Humor

Siga Miguel Arcanjo Prado no Instagram

Please follow and like us:
Surra de estilo: Prêmio Bibi Ferreira 2022 Grammy Latino 2022: Veja brasileiros indicados! Travessia estreia em 10 de outubro na Globo Fred Raposo é destaque no Mirada Maitê Proença estreia O Pior de Mim em SP