Musical ‘Elza’ é consagrado no 4° Prêmio Reverência de teatro musical

Elenco de “Elza” no palco do Prêmio Reverência: Espetáculo, Autor e Direção – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

“Elza”, o musical que conta a vida da cantora Elza Soares, se consagrou no 4° Prêmio Reverência de teatro musical, que destaca os melhores no eixo Rio-São Paulo.

Prestigiada pelos astros e estrelas do gênero, a cerimônia, repleta de fortes discursos políticos no palco em defesa das artes e das minorias, como mulheres, LGBTs e negritude, foi realizada nesta terça (13) no Teatro Alfa, em São Paulo. “Elza” abocanhou os prêmios de Melhor Espetáculo, Melhor Autor, para Vinicius Calderoni, Melhor Direção, para Duda Maia, e Melhor Arranjo, para Letieres Leite.

Intérpretes de “Elza” arrepiam a plateia do Prêmio Reverência com “A Carne” – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL


A apresentação do número “A Carne” pelas sete intérpretes de Elza deixou a plateia boquiaberta.

Amanda Acosta, eleita Melhor Atriz por “Bibi, Uma Vida em Musical” no Prêmio Reverência – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

Outros vencedores da noite foram Amanda Acosta, Melhor Atriz por “Bibi, Uma Vida em Musical”; Mateus Ribeiro, Melhor Ator por “Peter Pan, O Musical”; Claudia Raia, Melhor Atriz Coadjuvante por “Cantando na Chuva”; e André Dias, Melhor Ator Coadjuvante por “Se Meu Apartamento Falasse”.

Mateus Ribeiro, eleito Melhor Ator por “Peter Pan, O Musical” no Prêmio Reverência – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

Também foram premiados os musicais “Romeu e Julieta ao Som de Marisa Monte (cenografia, figurino e iluminação), “Peter Pan, O Musical” (ensamble) e “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812” (espetáculo pelo voto popular).

Claudia Raia, eleita Melhor Atriz Coadjuvante por “Cantando na Chuva” no Prêmio Reverência Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

André Dias, eleito Melhor Ator Coadjuvante por “Se Meu Apartamento Falasse” no Prêmio Reverência – Foto: Caio Gallucci – Divulgação – Blog do Arcanjo – UOL

O Prêmio Reverência tem idealização da produtora e diretora carioca Antonia Prado.

Protestos

Intérprete de Elza, Larissa Luz foi aplaudida de pé quando falou que o cidadão não devia portar armas, mas sim portar a voz, trecho do texto do musical “Elza”.

O diretoe Zé Henrique de Paula também foi muito aplaudido quando falou: “está tendo uma guerra lá fora e aqui dentro ninguém solta a mão de ninguém”.

Tiago Abravanel encerrou a noite cantando “Não Vamos Parar”, versão de “Hairspray”. A música foi interpretada pelo público como recado de que os artistas vão resistir contra um possível desmantelamento do setor cultural.

Siga Miguel Arcanjo Prado no Instagram

Please follow and like us:
Vingança, O Musical é aplaudido por estrelas Longa Jornada Noite Adentro é aplaudida por famosos Marina Sena fala do 2º álbum Orgulho LGBT+ 5 peças em São Paulo Parada do Orgulho LGBT+ bate recorde com 4 milhões de pessoas