Natália Lage vive violoncelista marcada pela tragédia na peça “Jacqueline”

Natália Lage e Daniel em "Jacqueline" - Foto: Divulgação

Natália Lage e Daniel em “Jacqueline” – Foto: Divulgação

Por Miguel Arcanjo Prado

“Jacqueline”, com texto e direção de Rafael Gomes, é chamada por ele de uma “peça-concerto”. O motivo é a forte presença da música erudita na montagem em cartaz no Teatro Anchieta, no Sesc Consolação, em São Paulo.

A inspiração para o novo espetáculo vem da violoncelista britânica Jacqueline Du Pré (1945-1987), que morreu de esclerose múltipla com apenas 42 anos, interpretada por Natália Lage.

No elenco estão ainda Daniel Costa, Fabricio Licursi e Arieta Corrêa.

A obra mostra a relação “intensa e profunda” de uma violoncelista e sua irmã, marcada por uma “tragédia irreversível”.

Gomes é atual queridinho na cena teatral paulistana e recentemente dirigiu os sucessos “Um Bonde Chamado Desejo” e “Gota D’água a Seco”. Ele ainda é autor de “Música para Cortar os Pulsos”, peça que o lançou e que virará filme em 2017.

Como base da encenação está o “Concerto Para Violoncelo e Orquestra”, de Edward Elgar, obra que ficou indissociavelmente atrelada à musicista. Assim, a música pauta a dramaturgia.

“Essa peça encerra uma trilogia sobre mulheres massacradas. Não foi planejado, mas aconteceu: primeiro foi Blanche, no ‘Bonde’; depois Joana, em ‘Gota d’Água’. Personagens que, de uma forma ou de outra, agem em direção ao destino que encontram”, fala o autor e diretor.

“‘Jacqueline’, por outro lado, é aquela que sofre o desfecho mais cruel, porém totalmente alheio às suas ações e escolhas. Essa é uma peça que fala também sobre a força ao mesmo tempo provedora e destruidora da natureza”, conclui Gomes.

“Jacqueline”
Quando: Sexta e sábado, 21h, domingo, 18h. 90 min. Até 18/12/2016. Depois retoma de 6 a 29/1/2017
Onde: Teatro Anchieta do Sesc Consolação – Rua Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque, São Paulo, tel. 11 3234-3000
Quanto: R$ 40
Classificação etária: 14 anos

Siga Miguel Arcanjo Prado no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Você pode gostar...