Tiago Abravanel é o destaque de Tim Maia

Tiago Abravanel é acompanhado por banda e dez atores - Foto: Caio Gallucci

Por Miguel Arcanjo Prado

Assim como o Rio, São Paulo já é de Tiago Abravanel. Ou seria de Tim Maia?

 

A sinergia entre o ator e o personagem é tanta que fica uma dúvida gostosa na plateia de Tim Maia – Vale Tudo, o Musical, em cartaz no Teatro Procópio Ferreira, após temporada carioca vista por 100 mil pessoas.

 

O Brasil sempre teve uma relação de amor e ódio com o cantor. Ódio por ele não comparecer aos shows ou, nervoso, partir para cima de sua plateia quando aparecia. Mas a raiva sempre era suplantada pelo amor tão presente em suas canções que fazem parte da vida de todos nós. E porque, tal qual mulher de malandro, a gente apanhava de Tim e gostava.

 

É a ligação afetiva que o brasileiro tem com a obra deste gênio de nossa música o forte do musical dirigido por João Fonseca e escrito por Nelson Motta. E é dominado por tal passionalidade que o espectador comum assiste ao musical, ávido por rever um amigo que deixou aquela saudade gigante com sua partida.

 

No papel título, Tiago Abravanel deixou de ser apenas o neto de Silvio Santos para se tornar um dos nomes mais comentados de nosso teatro aos 24 anos.

 

Parece coisa do destino mesmo. Quem vê a obra entende que o papel tinha de ser dele. O garoto se entrega a Tim com humor, carisma e um vozeirão que faz tremer tudo. Conquista o espectador tal qual o charme de Tim Maia.

 

Sabiamente, Fonseca deu peso também à participação dos outros dez atores, não deixando a turma só fazendo coro. Apesar das caricaturas, cada um tem seu solo no espetáculo ao lado de Tim.

 

Reiner Tenente faz a plateia morrer de rir com sua interpretação de Roberto Carlos. Izabella Bicalho também conquista com sua versão da Pimentinha Elis Regina. Dona de uma voz arrasa-quarteirao, Lilian Valeska dá charme e simpatia à Janete, primeiro amor de Tim.

 

Pedro Lima também não faz feio quando tem a deixa para mostrar sua voz grave de um baixo profundo. Com bom tempo de comédia, Elelyn Castro tem presença inquestionável quando o diretor lhe dá um espaço maior. Completam o time Pablo Áscoli, Bernardo La Rocque, Andreh Viéri, Aline Wirley e Letícia Pedroza.

 

Destaque ainda na produção de Sandro Chaim para os ajustados figurinos de Rui Cortez, que retratam a moda dos anos 50 até os 90. E a iluminação de show feita por Paulo César Medeiros. Nello Marrese também econtrou soluções poéticas para a simplória a cenografia, como quando a beleza do Rio de Janeiro surge aos olhos do menino Tim ao som de Do Leme ao Pontal.

 

Em se falando do perfeccionista Tim, a banda não poderia dever. Com assistência de Carol Futuro, o diretor musical Alexandre Elias escolheu uma competente banda para o musical. A nova versão da Vitória Régia, formada por Claudemir Alves, no trompete, Marcelo Manfra, no saxofone, TottyBone, no trombone, Alexandre Elias, na guitarra, Alexandre Vianna, nos teclados, Decko Telles, no baixo, e Kiko Andrioli, na bateria, deixaria o patrão Tim Maia satisfeito com sua competente mistura de ritmos.

 

E é o arrepio que a plateia sente ao fim do espetáculo que dá a real sensação de que Tim Maia está, sim, lá em cima, feliz de ter caído, outra vez, na boca do povo. 

Veja os famosos quem foram à estreia!

 


Tim Maia – Vale Tudo, o Musical

Avaliação: muito bom
Quando: quinta, às 21h; sexta, às 21h30; sábado, às 21h; e domingo, às 18h. Até 24/6/2012
Onde: Teatro Procópio Ferreira (r. Augusta, 2.823, Jardins, São Paulo, tel. 0/xx/11 3083-4475)
Quanto: R$ 50 a R$ 150
Classificação: 14 anos
Please follow and like us:

11 Resultados

  1. Rasec disse:

    Descobri agora este excelente espaço! Incrível! Uma sugestão: trazer uma agenda de futuras estréias de teatro aqui em SP. Espetáculos que estão em fase de ensaio, previsões de estréia, quem está chegando por aqui no próximo semestre e no ano que vem!
    Abraço!

  2. Deborah Lygia de Santis disse:

    ele tem o talento do avô dele, é carismático,bonito,educado, tudo de bom.

  1. 13/03/2012

    […] Musical Tim Maia consagra Tiago Abravanel […]

  2. 15/03/2012

    […] Leia a crítica do musical Tim Maia Espalhe por aí: […]

  3. 19/03/2012

    […] Tiago Abravanel é o destaque de Tim Maia […]

  4. 20/04/2012

    […] Rainha do Deserto – Teatro BradescoAvaliação: Tim Maia, Vale Tudo – O Musical – Procópio FerreiraAvaliação: Conversando com Mamãe – RenaissanceAvaliação: Vermelho – Teatro GEOAvaliação: A […]

  5. 25/04/2012

    […] Rainha do Deserto – Teatro BradescoAvaliação: Tim Maia, Vale Tudo – O Musical – Procópio FerreiraAvaliação: Conversando com Mamãe – RenaissanceAvaliação: Vermelho – Teatro GEOAvaliação: A […]

  6. 23/05/2012

    […] – Gabriela – Em turnê Avaliação: Priscilla, Rainha do Deserto – BradescoAvaliação: Tim Maia, Vale Tudo – Procópio FerreiraAvaliação: A Mecânica das Borboletas – AnchietaAvaliação: O Violinista no Telhado – […]

  7. 15/06/2012

    […] – Gabriela – Em turnê Avaliação: Priscilla, Rainha do Deserto – BradescoAvaliação: Tim Maia, Vale Tudo – Procópio FerreiraAvaliação: Pessoas Absurdas – JaraguáAvaliação: O Violinista no Telhado – AlfaAvaliação: […]

  8. 24/12/2013

    […] Leia a crítica. […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Festival de Curitiba anuncia novidades em 2023 II Expo Internacional Consciência Negra SP The Crown mostra que Charles traiu Diana Caetano Veloso se emociona em show após morte de Gal Costa Prêmio Arcanjo de Cultura acontece no Teatro Sérgio Cardoso