Artista visual e atriz, Angela Fernandes mistura pinturas e teatro

A atriz e artista visual Angela Fernandes: obras em peça e em exposição em SP – Foto: Iago Calegari/Divulgação – Blog do @miguel.arcanjo UOL

Angela Fernandes comemora a boa fase na carreira com obras servindo de cenário de peça de teatro e em uma exposição conjunta.

A artista visual e também atriz é autora das telas que integram a cenografia da peça “Casa Submersa” e as “Intervenções Submersas”, novo projeto da Velha Companhia, com texto e direção de Kiko Marques, que estreia nesta quarta (4), no Sesc Pompeia (r. Clélia, 93), em São Paulo.

As pinturas a óleo são projetadas pelas técnicas de video mapping e videografismo, bem como integram as 14 intervenções dirigidas por Angela e que acontecem no espaço cultural paulistano paralelamente à temporada do espetáculo, desde 29 de agosto até 22 de setembro.

“Fui pintando de forma integrada ao processos de pesquisa, inclusive algumas cenas foram criadas a partir das imagens das telas”, conta. “As pinturas têm tudo a ver com o espetáculo, que fala de um Brasil submerso. Nelas pode ser observada na natureza desse Brasil, submersas ou não”, complementa.

O trabalho da artista paranaense de Grande Rios radicada em São Paulo há 22 anos também está presente na exposição “Inferno de Nós”, feita conjuntamente com o artista Fabio Benetti sob curadoria de Iago Calegari. Esta pode ser vista na Passagem Literária da Consolação (na esquina da rua da Consolação com av. Paulista) até o dia 5 de outubro, com entrada gratuita.

Como atriz, a peça mais recente de Angela é “Operetinha do Sapato Falador”, infantil sob direção de Sandra Corveloni, eleita melhor atriz no Festival de Cannes em 2008 pelo filme “Linha de Passe”, de Walter Salles e Daniela Thomas.

Siga @miguel.arcanjo no Instagram

Você pode gostar...