Cantor do Chacrinha, Markinhos Moura brilha no teatro após depressão

O cantor Markinhos Moura celebra a volta por cima e brilha nos palcos de São Paulo na peça “Angel”, toda quinta, 21h, no Teatro Itália – Foto: Divulgação

O cantor Markinhos Moura ficou conhecido em todo o Brasil nos anos 1980, quando era figurinha fácil nos programas “Cassino do Chacrinha” e “Clube do Bolinha”, cantando sucessos românticos como “Meu Mel” e “Anjo Azul”, hits tocados à exaustão nas rádios de todo o Brasil.

Após deixar o país nos anos 1990 e chegar a morar em Curitiba na volta, período em que rejeitou a carreira de cantor por conta de uma forte depressão, o cantor reconstruiu sua carreira em São Paulo nos últimos anos.

Markinhos Moura canta com Chacrinha ao fundo na TV nos anos 1980 – Foto: Reprodução

Atualmente, de terça a sábado, ele canta no Bar do Nelson (r. Canuto do Val, 83, Santa Cecília), da empresária Lilian Gonçalves, conhecida como Rainha da Noite paulistana e filha do cantor Nelson Gonçalves.

Markinhos Moura ainda atua no espetáculo “Angel”, em cartaz toda quinta, 21h, no Teatro Itália (av. Ipiranga, 344), até o fim de novembro, com ingresso a R$ 60 a inteira e R$ 30 meia.

Na trama, sobre um grupo de garotos de programa rivais que disputam o posto de predileto de uma senadora, Markinhos faz Francis, grande artista da boate, e canta músicas ao vivo na peça.

Muita gente não sabe, mas Markinhos começou na vida artística como ator, ainda adolescente, em Fortaleza, Ceará.

Ele conversou com o jornalista Miguel Arcanjo Prado sobre tudo isso e outros detalhes de sua trajetória. Veja, abaixo, o vídeo em parceria com o Talk TV.

Curta Miguel Arcanjo no Facebook
Siga Miguel Arcanjo no Instagram

Please follow and like us: