Rapidinhas teatrais: Amigas entre amor e ódio voltam em comédia vista por 120 mil

“Amigas pero no Mucho” faz temporada no Teatro Folha – Foto: João Caldas

Por Miguel Arcanjo Prado

Amor e ódio
Primeira peça de Célia Regina Forte, importante produtora e assessora teatral, “Amigas pero no Mucho” volta aos palcos neste sábado (1º), no Teatro Folha, em São Paulo. A comédia já vista por 120 mil pessoas celebra dez anos com novo elenco: Nilton Bicudo, Leandro Luna, Jonathas Joba e Elias Andreato, é claro, como a engraçadíssima Fram. Rodolfo Schwenger assume a trilha ao vivo no piano, enquanto as amigas se amam e se odeiam. Como deve ser.

Marília Gabriela e Reynaldo Gianecchini juntos no teatro: ele foi ver a ex-mulher em “Constelações” – Foto: Divulgação

Princesinha do mar
Depois de receber o ex-marido Reinaldo Gianecchini na plateia no último fim de semana (e o diretor Antunes Filho também), Marília Gabriela faz as últimas apresentações paulistanas neste fim de semana, no Tucarena, de “Constelações”, peça de Nick Payne com direção de Ulysses Cruz. Depois, segue para o Sesc Copacabana, onde fica em temporada entre 6 e 30 de julho. Carioquíssima.

Claudia Ohana e Ney Latorraca estão em “Vamp – O Musical” – Foto: Divulgação

Noite preta
Após sucesso no Rio, “Vamp – O Musical” chega a São Paulo em setembro, no Teatro Sérgio Cardoso, com Claudia Ohana e Ney Latorraca. A superprodução é da Aventura Entretenimento.

De volta
“Se Fosse Fácil Não Teria Graça”, peça com Nando Bolognesi já vista por 20 mil pessoas nos últimos três anos, volta aos palcos de São Paulo no Tucarena neste sábado (1º). Vai, gente.

Romance
Com o casal Flávio Tolezani e Natalia Gonsales, a peça “Carmen”, com direção de Nelson Baskerville, estreia nesta sexta (30) no Teatro Aliança Francesa, em São Paulo.

Françoise Forton está em “Nós Sempre Teremos Paris” – Foto: Divulgação

Sessão dupla
Françoise Forton e Maurício Baduh apresentam neste fim de semana a peça “Nós Sempre Teremos Paris” no Auditório Ibirapuera, encerrando a Mostra Petrobras Premmia de Teatro. Sábado, 21h, domingo, 19h, com ingresso a R$ 20. Estão todos convidados.

0800
Indicado ao Prêmio Shell de Teatro 2015 na categoria Inovação, o Pequeno Teatro de Torneado estreia sua nova montagem “Do Ensaio para o Baile”. O espetáculo, que tem direção de William Costa Lima, chega ao palcos no dia 7 de julho na Funarte SP com ingressos gratuitos. Ele dá início à nova pesquisa da Trupe, a trilogia “Colapsos Institucionais”.

Anos 1990
Em “Do Ensaio para o Baile” os 20 atores em cena mostram uma escola pública na década de 1990 na qual os alunos estão ansiosos por um baile de formatura. A peça faz uma ponte com os recentes protestos estudantis nas escolas pública.

Tem mais
O Pequeno Teatro de Torneado já prevê as próximas etapas da trilogia: Em 2018 estreia “Incandescente”, sobre a instituição hospital nos anos 2000, e em 2019 é a vez de “Acassiopeia”, sobre as atuais questões das instituições presidiárias. Planejamento é tudo.

Peça na SP Escola de Teatro fala da tragédia em Mariana (MG) – Foto: Caio Oviedo

Tragédia de Mariana
Com uma linguagem que permeia a relação entre teatro e cinema, a Ordinária Companhia traz os questionamentos que envolvem o impacto da maior tragédia ambiental no Brasil em Mariana (MG) com novo espetáculo. “Os Atingidos ou Toda Coisa que Vive É um Relâmpago” estreia sábado, 8 de julho, às 21h, na SP Escola de Teatro. A direção e dramaturgia é de José Fernando Peixoto de Azevedo e a temporada vai até 30 de julho com sessões sábados, às 21h, domingos, às 20h, e segundas, às 21h. Anotou?

Referência é tudo
O resultado de todo o trabalho é um teatro-filme com um deslizamento entre os pontos de vista e perspectivas. Durante a pesquisa, filme de Alfred Hitchcock, David Lynch e o recente “Corra!”, de Jordan Peele, serviram para absorver os artifícios de suspense presentes na encenação. Interessante.

Como nossos pais
Depois de uma temporada de sucesso, o espetáculo “Ponto Morto” volta aos palcos de São Paulo em 4 de julho, terça-feira, às 20 horas, no porão do Teatro Sérgio Cardoso. Mostra uma conflitante relação entre pai e filho.

Performance “Construindo Solo Acompanhado” – Foto: Bruno Makia

Seis por um
Na ocupação “Construindo Solo Acompanhado”, que o  performer Alexandre D’Angeli realiza de 30 de junho a 9 de julho no Teatro do Centro da Terra, seis artistas de diferentes áreas propõem uma ação inédita para ser performada em conjunto. Bem juntinho.

Até na escada
A cada dia, o performer ao lados dos convidados fará uma apresentação diferente, onde fica a disposição dos artistas para um intercâmbio de linguagens, que poderão ocupar além do palco todos os ambientes do edifício, inclusive as escadas e o café-bar. Eita.

Turma reunida
O ator Flavio Barollo dá início à ocupação no dia 30 de junho, passando pelo performer Renan Marcondes (1º de julho), o artista argentino Silvio de Gracia (2 de julho), a bailarina Eliana de Santana (7 de julho) e os performers Rodrigo Munhoz (8 de julho) e Estela Lapponi (9 de julho). Os ingressos para os seis dias de apresentação são pague quanto puder. Que bom.

“Caminham Nus Empoeirados” faz temporada no Teatro Contêiner Mungunzá – Foto: Cacá Diniz

Vida de artista
A partir do dia 5 de julho, o Teatro de Contêiner Mungunzá, construído na região da Luz com 11 contêineres marítimos, recebe a reestreia do espetáculo “Caminham Nus Empoeirados”, com Gero Camilo e Victor Mendes.

Declaração de amor
Para Gero Camilo, “Caminham Nus Empoeirados” é uma espécie de “crítica social e, sobretudo, uma declaração de amor ao teatro e à vida”. E afirma, sobre a peça com a trajetória de dois atores: “É uma comédia que faz pensar, não é só para dar gargalhada”.

“Querida Quitinete” faz sessões no Teatro Gazeta – Foto: Divulgação

Aperto
Após circular o interior paulista, o espetáculo “Querida Quitinete” aporta em São Paulo nos dias 8 e 9 de julho no Teatro Gazeta. Protagonizado pelos atores João Côrtes, Brenno Leone e Bruno Suzano, a peça narra as aventuras de Pereco, Jorge Wilson e Dalto ao dividir uma quitinete.

União faz a força
Escrita e dirigida por Moíses Bittencourt, “Querida Quitinete” é uma comédia contemporânea sobre três amigos com personalidades bem diferentes, mas algo em comum, viver da arte. Eles são capazes de tudo e resistem até o final para ter um lugar ao sol, sempre com muito humor. Persistentes.

Celebração
A turma da peça “Enquanto as Crianças Dormem”, em cartaz no Teatro Aliança Francesa, em São Paulo, foi toda contente jantar após o espetáculo nesta quinta (29). Comemoraram a plateia cheia e os aniversários dos atores Carol Hubner e Diogo Pasquim. Parabéns.

Guri de Uruguaiana: humor gaúcho em São Paulo – Foto: Divulgação

Riso gaúcho
O espetáculo “Guri de Uruguaiana”, já visto por 2 milhões de espectadores, chega em São Paulo para uma curtíssima temporada nos dias 8, 9, 15 e 16 de julho no Teatro Brigadeiro. E tem novidade: Jair Kobe traz cenário totalmente remodelado, novas paródias do “Canto Alegretense”, novos causos e clipes ao vivo. Danado.

Números
O Guri de Uruguaiana é reconhecido como um dos principais humoristas gaúchos da atualidade. Tanto que tem 2,3 milhões de curtidores no Facebook e 20 milhões de visualizações em vídeos no YouTube. Nada mal.


Siga Miguel Arcanjo Prado no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Você pode gostar...