Réveillon no litoral tem encontro de mulheres maduras em “Tempo de Viver”

"Tempo de Viver": Ano-Novo e maturidade - Foto: Bob Sousa

“Tempo de Viver”: Ano-Novo e maturidade – Foto: Bob Sousa

Por Miguel Arcanjo Prado

Era 31 de dezembro. O autor Carlos Colabone caminhava pelas areias do Guarujá, litoral paulista, quando uma imagem lhe chamou a atenção: um grupo de senhoras tirando uma selfie.

Diante de seus olhos, pensou, estavam Carmen, Yara e Alma, três das personagens de seu espetáculo teatral “Tempo de Viver”, que estreia em 21 de janeiro no Centro Cultural São Paulo, onde faz temporada até 26 de fevereiro de 2017.

“Envolvido por uma onda de solidão, disse a mim mesmo: é sobre esse tempo de vida, sobre essas mulheres, que quero escrever”, conta o dramaturgo ao Blog do Arcanjo do UOL. Ele divide a direção do espetáculo com Gonzaga Pedroza.

“Tempo de Viver” fala de amizade, memória e maturidade, com as atrizes Lucélia Machiavelli, Selma Luchesi, Suia Legaspe e Valéria Lauand.

Ao desenrolar da trama, o público vai conhecendo a vida de quatro mulheres de personalidades distintas, marcada por mais um encontro durante a passagem do Réveillon numa praia do litoral paulistano. O cenário vai fazer com que o público se sinta no litoral. Ao entrar na sala de espetáculo, cada espectador recebe uma cadeira de praia.

“O espetáculo é a minha primeira experiência dramatúrgica. O texto teve uma primeira versão e, depois, a partir de um processo de provocações, chegamos ao resultado final. O projeto vai além da encenação. Propomos algumas reflexões sobre o envelhecer, valorização da amizade, responsabilidade ambiental, que nos levaram a outros caminhos, outras descobertas. E tudo isso, de uma certa maneira, se materializa nesse tempo”, afirma o autor.

“Tempo de Viver”
Quando: 21 de janeiro a 26 de fevereiro de 2017 – Sextas e sábados às 21h e domingos às 20h. 80 min.
Onde: Centro Cultural São Paulo (CCSP) -Rua Vergueiro, 1.000, metrô Vergueiro, São Paulo, tel. (11) 3397-4002
Quanto: R$20 a inteira e R$ 10 a meia – a venda estará disponível na bilheteria em seu horário de funcionamento (terça a sábado, das 13h às 21h30; e domingos, das 13h às 20h30), e no Ingresso Rápido a partir de 30 dias antes do evento (mesmo no caso de temporadas longas). Preço popular: R$3,00 (dia 27/01/17) – nesse dia não serão vendidos ingressos pela internet e serão vendidos apenas dois por pessoa, na bilheteria do CCSP, que será aberta somente duas horas antes do início do espetáculo.
Classificação etária: 16 anos

Siga Miguel Arcanjo Prado no Facebook, no Twitter e no Instagram.

Você pode gostar...