Eduardo Martini cria festival teatral pela diversidade contra o preconceito

O ator Eduardo Martini leva três peças que mostram a diversidade ao público ao Centro Cultural da Diversidade no Itaim Bibi – Foto: Bruno Poletti – Coluna @miguel.arcanjo UOL

Apresentar a diversidade às pessoas e combater o preconceito é necessário (e urgente) no complicado Brasil de hoje. E nada melhor do que a magia do teatro para sensibilizar as pessoas para esta temática. Sempre atento à comunicação com o grande público, o ator e diretor Eduardo Martini, que este ano recebeu o Prêmio do Humor Especial criado por Fábio Porchat por sua contribuição ao teatro em 40 anos de trajetória, assume esta importante missão nos palcos.

Martini acaba de criar o primeiro Festival LGBTQ+ do Teatro Décio de Almeida Prado, no Itaim Bibi, zona sul da capital paulista. O local acaba de se transformar no Centro Cultural da Diversidade, em iniciativa da gestão do jornalista André Fischer, importante nome na defesa da diversidade na mídia e nas artes e criador do famoso Festival MixBrasil.

A programação especial vai de 10 de outubro a 3 de novembro, sempre de quinta a domingo. Terá duas peças já aplaudidas pelo público, “Angel” e “Depois Daquela Noite”, além da estreia do texto inédito “Chorávamos Terra Ontem à Noite”. Em foco, estão temas que abarcam a diversidade, como relacionamentos e sexualidade.

A Coluna Miguel Arcanjo conta um pouco mais sobre cada espetáculo para você se programar. Não perca!

Centro Cultural da Diversidade (Teatro Décio de Almeida Prado)
R. Lopes Neto, 206 – Itaim Bibi, São Paulo, tel. 11 3079-3438

Renato Scarpin, Carol Hubner, Eduardo Martini e Théo Hoffman estão em Depois Daquela Noite – Foto: Jeronimo Gomes – Divulgação – Coluna @miguel.arcanjo UOL

Depois Daquela Noite
O texto de Carlos Fernando Barros dirigido por Eduardo Martini mostra dois casais que se encontram no momento em que uma chuva desaba sobre a cidade, provocando também um turbilhão de emoções e de revelações. Estão no elenco Carol Hubner, Renato Scarpin, Theo Hoffmann e Eduardo Martini.
Quintas, às 21h (10, 17, 24, e 31 de outubro); R$ 40 e R$ 20; 16 anos.

Cléo Ventura e Guilherme Chelucci estão em Angel – Foto: Celina Germer/Divulgação – Coluna @miguel.arcanjo UOL

Angel
O texto de Vitor de Oliveira e Carlos Fernando Barros dirigido por Eduardo Martini mostra um grupo de rapazes em disputa pelo poder na Boate Apocalipse, com direito a relações escusas com uma poderosa senadora vivida por Cléo Ventura e números musicais com o cantor Markinhos Moura. Estão no elenco Bruno Alba, Elder Gattely, Cléo Ventura, Guilherme Chelucci, Fernando Maia, Markinhos Moura, Arnaldo Giana, Anderson dy Souza, Marcio Barbosa e Eduardo Martini.
Sextas e sábados, às 21h (11, 12, 18, 19, 25, 26 de outubro, e 1 e 2 de novembro); R$ 40 e R$ 20; 14 anos.

Elder Gallaty e Eduardo Martini estão em Chorávamos Terra Ontem à Noite – Foto: Divulgação – Coluna @miguel.arcanjo UOL

Chorávamos Terra Ontem à Noite
Neste espetáculo de Eduardo Ruiz sob direção de Carina Sacchelli, Eduardo Martini e Elder Gattely dão vida a dois irmãos separados pelo destino e que se reencontram diante de um momento familiar difícil.
Domingos, às 19h (13, 20 e 27 de outubro e 3 de novembro); R$ 40 e R$ 20; 14 anos

Siga @miguel.arcanjo

Você pode gostar...